Polícia abre inquérito para apurar greve de ônibus de SP

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 21/05/2014 15:31

Agência Estado

São Paulo, 21 - A Secretaria da Segurança Pública de São Paulo (SSPSP) confirmou em nota, nesta quarta-feira, 21, a abertura de inquérito pela Polícia Civil para apurar a eventual ocorrência de crime na manifestação promovida por motoristas de ônibus na cidade de São Paulo nos dias 20 e 21, com base no Artigo 262, do Código Penal (expor a perigo outro meio de transporte público, impedir-lhe ou dificultar-lhe o funcionamento).

Os líderes do Sindicato dos Motoristas de São Paulo foram intimados a prestar depoimento.

A Secretaria informa também que a Polícia Militar reforçou o policiamento hoje em todos os terminais de ônibus da capital e locais de grande concentração de pessoas, para prevenir e evitar a ocorrência de tumultos.

Esclareceu que não cabe à PM a remoção de ônibus que tenham sido abandonados por manifestantes nas vias públicas, responsabilidade das autoridades de trânsito por meio de guinchos e motoristas ou servidores que possam fazê-lo. Assegurou ainda que a PM esteve à disposição das autoridades municipais para dar segurança aos funcionários da Companhia de Engenharia de Tráfego.
Comentários O comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.