Motoristas em greve bloqueiam vias; SP suspende rodízio

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 21/05/2014 12:49

Agência Estado

São Paulo, 21 - O secretário de Transporte Jilmar Tatto anunciou que o rodízio da tarde desta quarta-feira, 21 foi suspenso em são Paulo. Dezenas de ônibus estão estacionados na Faria Lima tanto no corredor de ônibus quanto na faixa esquerda da via sentido Pinheiros, na zona oeste da cidade. Os coletivos estão com o pisca alerta ligado e alguns não estão nem com motorista nem cobrador dentro.

"Estava passando por volta das 9h e alguns companheiros de trabalho da Santa Brígida disseram para eu parar e avisaram que se a gente fosse até o terminal Pinheiro, ia ter depredação", disse um cobrador da consórcio 7, que atua na zona sul da cidade e preferiu não se identificar.

Na Avenida Inajar de Souza, sentido Freguesia do Ó, os manifestantes adotam atitude parecida com a de Pinheiros: desligam os ônibus no corredor de ônibus próximo à rua Bartolomeu de Canto e deixam os passageiros descerem.

Por volta de 11h30, A SPTrans informou que 3 terminais estavam bloqueados pelos manifestantes: o Parque D. Pedro II, o Lapa, e o Expresso Tiradentes. O Terminal Capelinha estava fechado até as 10h25, quando foi reaberto. No entanto, os ônibus não conseguem chegar até lá, e a frota que estava no local foi recolhida.

Nenhum representante dos motoristas e cobradores paralisados em São Paulo compareceu à audiência de conciliação ocorrida na manhã de hoje, na sede da Delegacia Regional do Trabalho (DRT), no centro de São Paulo.
Comentários O comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.