MTST realiza protesto na zona sul de São Paulo

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 20/05/2014 13:49

Agência Estado

São Paulo, 20 - Integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto (MTST) protestam na tarde desta terça-feira, 20, na Vila Olímpia, zona sul de São Paulo. Cerca de mil pessoas saíram por volta das 12h40 da Marginal do Pinheiros, sentido Rodovia Castelo Branco, na altura da Estação Vila Olímpia, da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM). Em marcha, eles chegaram à sede da construtora Viver por volta das 13h, localizada na Rua Olimpíadas. Segundo os participantes, o ato é pacífico e reúne moradores da ocupação Copa do Povo, em Itaquera, na zona leste.

A coordenação do movimento estima que cerca de 4 mil famílias estejam acampadas no terreno de propriedade da construtora Viver. A área de 150 mil m² ocupada pelos sem-teto desde o dia 3 de abril fica a quatro quilômetros da Arena Corinthians, conhecida como Itaquerão, onde será o primeiro jogo da Copa do Mundo.

"O nosso objetivo é ocupar a construtora para garantir a negociação e mostrar que não se revolve problemas de moradia popular com uma canetada de reintegração", afirmou o coordenador do MTST, Guilherme Boulos. "Nós já deixamos claro que se não houver acordo e for determinada a reintegração na sexta, nós vamos resistir."

Em função da manifestação, que é acompanhada pela Polícia Militar, o Shopping JK Iguatemi e outros estabelecimentos comerciais fecharam as portas por volta das 12h55. Os participantes do ato gritavam "Ei, não fecha, não, porque aqui não tem ladrão".
Comentários O comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.