• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

GCM 'limpa' calçadas de estações na Cracolândia

Agência Estado

Publicação: 28/04/2014 21:31 Atualização:

São Paulo, 28 - A Prefeitura de São Paulo dobrou o número de equipes da Guarda Civil Metropolitana (GCM) e de limpeza que atuam na região ao lado das Estações de trem da Luz e Júlio Prestes, no centro da capital paulista. Dezenas de usuários de drogas foram removidos, no início da manhã desta segunda-feira, 28, das calçadas da Praça Júlio Prestes e da Rua Helvetia. Em seguida, equipes de varrição e outras com jatos d’água em caminhões-pipa lavaram as calçadas.

A "faxina" foi repetida mais duas vezes, no horário do almoço e no início da noite. A limpeza pouco comum em ruas por onde as pessoas costumam tropeçar no lixo a cada 20 metros causou até espanto. Por toda a região conhecida como Cracolândia também não havia uma única barraca ou lona montada pelos dependentes. "Algum furacão passou por aqui e levou todo mundo? Nunca vi esse chão limpo a essa hora, olha só, dá até para sentar", brincou a manicure Luiza Menegaldo Pereira, de 44 anos, que pegava o metrô na Luz por volta das 17h40.

"O prefeito (Fernando Haddad) quer essa área limpa. A sujeira degrada muito essas quadras", afirmou ao Estado o secretário municipal de Segurança Urbana, Roberto Porto. Ele nega que a ação tenha caráter higienista. À noite, centenas de dependentes que foram removidos das calçadas ao lado da Júlio Prestes se aglomeraram em cerca de 100 metros da Alameda Dino Bueno, ao lado da base da PM no Largo Coração de Jesus.

"Ninguém prendeu ninguém, não houve confronto. O prefeito quer aquele espaço limpo, sem lixo espalhado pela rua. O lugar onde os dependentes estão é para onde eles vão todas as noites", argumentou o secretário. "A sujeira degrada muito essa importante e bonita área da cidade. Além da limpeza, queremos ocupar o espaço com atividades culturais nos fins de semana. No domingo já houve futebol de rua e bloco de carnaval", acrescentou Porto.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história efaça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.