Narrador esportivo Luciano do Valle morre aos 66 anos em Minas Gerais

Ele narraria amanhã a partida do Atlético Mineiro contra o Corinthians em Uberlândia, no Triângulo Mineiro, e começou a passar mal no voo

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 19/04/2014 17:15 / atualizado em 19/04/2014 19:06

Cristiane Silva , João Henrique do Vale

Divulgação/Bandeirantes
Morreu na tarde deste sábado, aos 66 anos, o narrador esportivo Luciano do Valle. Ele narraria neste domingo a partida do Atlético contra o Corinthians, em Uberlândia, no Triângulo Mineiro, e começou a passar mal no voo. O corpo de bombeiros da cidade foi acionado às 14h50.

Segundo os militares de Uberlândia, Luciano do Valle passou mal no avião, que vinha de São Paulo e foi atendido por um médico que estava no voo. Eles entraram em contato com a torre de comando do aeroporto, que acionou os bombeiros. Ele foi levado para a ambulância do terminal aeroviário, onde foi recebido pelos bombeiros e encaminhado ao Hospital Santa Genoveva.

Em entrevista à TV Band, o jornalista Fernando Fernandes, que acompanhava Luciano no voo, disse que antes de embarcar ele já tinha reclamado de dores nas costas mas, mesmo assim, decidiu seguir para Minas. Durante a viagem, Fernandes, que estava em um assento mais distante, percebeu que o narrador transpirava muito. Um cardiologista de Uberlândia que estava no avião se ofereceu para atendê-lo. Ele examinou a pressão e os batimentos cardíacos do narrador. Ainda na entrevista, Fernando Fernandes explicou que do Valle já respirava com ajuda de aparelhos no trajeto para o hospital. A morte foi constatada às 16h15. As causas ainda estão sendo apuradas.

O médico que atendeu do Valle no avião, identificado como doutor Roberto, disse à emissora de TV que o narrador teve uma morte súbita. “As hipóteses vão desde uma disseção de aorta, uma embolia pulmonar, um infarto muito grande, mas que só podem ser esclarecidas com a necropsia. A caracterização clínica é isso. É morte súbita”, explicou. “O que nos conforta são esses dois aspectos que o Fernando comentou e nós testemunhamos: ele não sofreu e teve a assistência que precisava”, finalizou.

O corpo de Luciano do Valle já está no Instituto Médico Legal de Uberlândia. A família do narrador está vindo de São Paulo para Minas, onde deve chegar por volta das 19h para providenciar o traslado. (Com informações de Carlos Vilela - TV Vitoriosa Uberlândia)

Responsável por comandar as atrações esportivas da Rede Bandeirantes durante grande parte da carreira - de 1983 a 2003 e de 2006 até os dias atuais, Luciano do Valle marcou época entre os narradores esportivos do país. Além de narrar futebol, ele foi um dos grandes ícones da divulgação de esportes olímpicos, vôlei, boxe e até transmissões de Fórmula 1.

História

O narrador começou a carreira como narrador na década de 70 em emissoras de rádio e televisão. Ele passou por grande emissoras como Rede Globo, Rede Record e atualmente trabalhava na Rede Bandeirantes, em sua segunda passagem pela empresa. Além de se especializar em narração de futebol, ficou famoso por transmitir a Fórmula 1, quando Emerson Fitipaldi participava da categoria.

Durante a sua carreira, ganhou o apelido de Luciano do Vôlei por promover a seleção do esporte. No seu trabalho vários ídolos surgiram, como os jogadores Bernard, William, Montanaro e Renan, que ficaram conhecidos como a Geração de Prata.

Na sua carreira, mostrou conhecimento para narrar vários esportes. Tanto que cobriu lutas de boxe e lançou o lutador Maguila.

Veja narrações que marcaram a carreira de Luciano do Valle


Tags:
Comentários O comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.