18°/ 33°
Belo Horizonte,
18/SET/2014
  • (3) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Abraji condena prisão de repórter durante cobertura de reintegração de posse

Estado de Minas

Publicação: 11/04/2014 12:44 Atualização:

A Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji) emitiu nesta sexta-feira uma nota em que condena a prisão do jornalista Bruno Amorim, do jornal O Globo. Bruno cobria a reintegração de posse do prédio da OI, no Engenho Novo, no Rio de Janeiro.

O jornalista registrava imagens da ação da PM no terreno que ficou conhecido como Favela da Telerj quando foi imobilizado com uma chave de braço e teve os óculos arrancados por um policial sem identificação. Levado a uma delegacia, ele teve o celular apreendido por mais de uma hora. O repórter foi acusado pela Polícia Militar de estar jogando pedras e incitando a violência.
Tags:

Esta matéria tem: (3) comentários

Autor: SERGIO DOURADO
Vândalos fardados... kkkkkkkk | Denuncie |

Autor: SERGIO DOURADO
Pensei q o perigo todo nas manifestações viriam de uns idiotas despreparados aí e black block... Mas a polícia tbm está fazendo seu papel repressor.Agora q eu quero ver os editores de jornais aí fazendo cara de velório pra a liberdade de imprensa,pois pra falar de vândalos eles enchem a boca... | Denuncie |

Autor: SERGIO DOURADO
Como são as coisas:qdo as manifestações comeraçaram ano passado,alguns jornalistas foram acuados e acoçados pela PM-SP.Teve jornalista c olho detonado e por aí vai.Ninguém chiou..Depois aqueles 2 idiotas colocaram um rojão no chão q atingiu o fotógrafo:aí o país veio abaixo,"lei e ordem".E agora...? | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história efaça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.