Morre David Libeskind, arquiteto do Conjunto Nacional

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 10/04/2014 14:31

Agência Estado

São Paulo, 10 - O arquiteto David Libeskind, cuja obra mais importante é o Conjunto Nacional, morreu na última quarta-feira, 9 de abril, em decorrência de infecção pulmonar, insuficiência cardiorrespiratória e complicações da Doença de Parkinson. Libeskind tinha 85 anos e deixa dois filhos, Marcelo e Cláudio Libeskind, além de netos.

Nascido na cidade de Ponta Grossa, no Paraná, Libeskind estudou arquitetura na Universidade Federal de Minhas Gerais, onde foi aluno do pintor modernista Guignard. Em Belo Horizonte, concluiu a graduação no ano de 1952. Mas foi em São Paulo que ganhou notoriedade. Com apenas 25 anos, realizou o que seria perpetuado como seu principal projeto: o Conjunto Nacional, um complexo arquitetônico que ocupa uma quadra da Avenida Paulista.

Libeskind também é responsável por diversas outras obras, em especial nas décadas de 1950 e 1960. Entre elas, o Edifício São Miguel, o Hospital Infantil da Faculdade de Medicina de Sorocaba, além de várias escolas, bancos e construções residenciais em Higienópolis, Pacaembu e no Jardins. Em 1970, o arquiteto assumiu o cargo de diretor de planejamento da Companhia Metropolitana de Habitação (Cohab).

O enterro aconteceu às 11h desta quinta-feira, 10, no Cemitério Israelita do Butantã, na cidade de São Paulo.
Comentários O comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.