11°/ 20°
Belo Horizonte,
30/JUL/2014
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

USP busca nove voluntários para vacina contra a dengue

Agência Estado

Publicação: 09/04/2014 16:49 Atualização:

São Paulo, 09 - A Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP) e o Instituto Butantan estão recrutando mais nove voluntários para participar da primeira etapa dos testes clínicos em humanos da vacina brasileira contra a dengue. Ao todo, são necessárias 50 pessoas para conclusão desta fase inicial. Os testes começaram em outubro do ano passado, mas até agora somente 41 voluntários foram vacinados e acompanhados no Hospital das Clínicas da FMUSP.

A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo explica que podem se inscrever para esta etapa dos testes pessoas saudáveis, com idade entre 18 e 59 anos, que nunca tiveram dengue e que moram na capital paulista ou na Grande São Paulo. Os interessados em participar do recrutamento devem procurar o Centro de Pesquisas Clínicas do Hospital das Clínicas da FMUSP, pelos telefones (11) 2661-3344 ou 2661-7214 ou pelo e-mail vacinadadengue@usp.br.

A pasta informa que há uma equipe de plantão, de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h, disponível para esclarecer as dúvidas inicias dos participantes e agendar as consultas de triagem com um dos médicos do projeto. "Trata-se de uma contribuição social valiosa para que, no futuro, possamos ter uma vacina de qualidade indubitável", afirma Esper Kallas, professor associado de Imunologia Clínica e Alergia da Faculdade de Medicina da USP e coordenador deste projeto.

Concluída a primeira fase, haverá uma segunda etapa de testes, prevista para começar em junho deste ano. Nesse período, serão recrutados mais 250 voluntários, com ou sem infecção prévia pelo vírus da dengue. A Secretaria da Saúde afirma que, juntos com os outros 50 participantes da primeira etapa, eles serão acompanhados por uma equipe multidisciplinar durante cinco anos, clínica e laboratorialmente, para avaliar uma vez ao ano a resposta imunológica dos participantes.

A vacina brasileira contra a dengue que está sendo testada no Hospital das Clínicas da FMUSP foi desenvolvida pelo Instituto Butatan, vinculado à Secretaria de Estado de Saúde de São Paulo, em parceria com o National Institute of Health, dos Estados Unidos. A pasta explica que a vacina é composta por quatro tipos de vírus da dengue vivos, mas enfraquecidos, capazes de produzir anticorpos que podem proteger a pessoa contra a doença.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história efaça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.