Travesti é detida por molestar homem no metrô de São Paulo

Com duas prisões por importunação ofensiva ao pudor na quarta-feira, já chega a 27 o número de acusados presos neste ano

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 27/03/2014 13:49 / atualizado em 27/03/2014 15:14

Agência Estado

Mais dois acusados de molestar sexualmente passageiros do Metrô foram presos pela polícia. Um dos acusados é uma travesti que apalpou um homem dentro de um vagão na Estação Sé, no centro de São Paulo. A vítima chamou a segurança do Metrô, que deteve a acusada e a levou à Delegacia do Metropolitano. O outro caso envolveu um homem que apalpou uma mulher na mesma estação e também acabou detido.

Os dois casos ocorreram na terça-feira, dia 25, e foram registrados pela delegacia como importunação ofensiva ao pudor. A polícia fez um termo circunstanciado e liberou os detidos depois de ouvi-los. Caso admitam a culpa, os acusados podem ser obrigados a prestar serviço à comunidade ou pagar uma cesta básica para alguma instituição escolhida pela Justiça. De acordo com o delegado Cícero Simão da Costa, da Delegacia do Metropolitano, já são 27 os acusados presos neste ano molestando sexualmente homens e mulheres no Metrô.
Tags: