12°/ 23°
Belo Horizonte,
23/JUL/2014
  • (11) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Pai de santo usava "entidades" para estuprar jovens virgens no DF, diz polícia Homem usava reuniões espirituais como forma de atrair as meninas

Correio Braziliense

Publicação: 25/03/2014 08:55 Atualização: 25/03/2014 11:00

A polícia prendeu na manhã desta segunda-feira (24/3) um pai de santo suspeito de ter abusado sexualmente de adolescentes, no Guará. As meninas tinham 11 e 15 anos quando começaram a sofrer os abusos, segundo a polícia.

De acordo com a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), a mãe de uma das meninas começou a levar as garotas para um centro espírita no Guará em 2012. Com o tempo, o homem de 47 anos passou a marcar reuniões individuais com adolescentes em que dizia que espíritos do passado teriam se relacionado sexualmente com elas e, por meio do corpo dele, queriam se relacionar de novo.

Além dos abusos, a DPCA informou que ele dizia às meninas ameaças feitas pelas entidades, no caso de elas recusarem as relações. As garotas também não podiam contar a ninguém sobre o que ocorria, para que os espíritos não providenciassem acidentes, como atropelamentos.

As jovens teriam indicado o centro a algumas amigas que, segundo a delegacia, também sofreram estupros. Alguns boatos começaram a circular entre as vítimas de que elas podiam estar sendo alvo de abuso. Foi quando a mãe de uma delas descobriu e as levou para dar queixa à delegacia.

Testes do Instituto Médico Legal confirmaram o rompimento do hímen das garotas que hoje têm 13 e 17 anos, o que para a polícia é um dos indícios do abuso.

O sacerdote espiritual negou as acusações. Ele alegou que nunca esteve apenas com as meninas durante essas reuniões. O homem também informou que uma das garotas teriam se insinuado para ele, após ter perdido a virgindade no Rio de Janeiro. Segundo ele, ela teria ameaçado contar a mãe possível estupro, caso o pai de santo não tivesse relações sexuais com ela.

A DPCA trabalha com a hipótese de que haja novas vítimas. O homem pode responder por estupro de vulnerável, estupro mediante fraude e por perturbação de tranquilidade.
Tags:

Esta matéria tem: (11) comentários

Autor: priscila santarelli
Senhor Sebastião Costa: Logo se vê que culto você não é! pois se fosse, saberia que pode ser processado por escarnecer em público a religião ou crença das pessoas! Está nítido que é uma pessoa ignorante e preconceituosa! | Denuncie |

Autor: Robson Silva
Prender os pais dessas garotas tb! | Denuncie |

Autor: Manfredo Linhares
Caro Sebastião Costa: eu sei de gente culta, estudada (católicos e evangélicos) que já recorreram a esse tipo de expediente, especialmente mulheres querendo se vingar dos ex ou querendo os "trazer de volta". Uma curiosidade: católicas e evangélicas são as principais clientes destes pais de santo. | Denuncie |

Autor: carlos bertoline
Esse estuprador pedófilo deveria ser mandado para o diabo, o coisa ruim. E para isso é só prendê-lo na Papuda para ficar na cela com Zé Dirceu. Isso sim seria a pior punição para um estuprador: ficar de frente a frente com o capeta e dormir ao lado dele. | Denuncie |

Autor: Reinaldo Almeida
Senhor Sebastião, já saíram também inúmeras acusações de padres que estupram jovens e adolescentes. Seguindo sua linha de raciocínio, o cristianismo também é uma podridão que não possui pessoas cultas em sua prática devido a isso? | Denuncie |

Autor: luiz carlos
Sebastião Costa, eu não tenho toda esta cultura,não tenho formação superior, no entanto, eu não acredito em qualquer tipo de divindade,poderes do alto ou misticismo religioso.Cultura não quer dizer isenta de tais atos. | Denuncie |

Autor: Clayton Jesus
Novamente, estão confundido a religião candomblé e ou umbanda com espiritismo, não existe pai de santo na religião espirita, e sim médiuns, não confunda este charlatão, aproveitador com religioso. | Denuncie |

Autor: Fábio Martins
Srs. jornalistas, os centros espíritas (ou casas espíritas) seguem a Doutrina Espírita, que em nada têm a ver com pais ou mães de santo, tampouco possui qualquer tipo de líder ou ritualística dessa natureza. O caso em questão refere-se a outro matiz religioso, cujo local se chama "terreiro". | Denuncie |

Autor: arlindo E orlando PERERE
é muita burrice dos pais neh nao | Denuncie |

Autor: Eduardo sANTOS
Ah, seu eu fosse responsável por esta investigação, deixava indivíduo uma noite em cada cela da Papuda, depois encaminharia para a justiça, sendo que a partir daí, a justiça dos presos já teria sido feita. | Denuncie |

Autor: sebastião costa
No século 21, ainda existe essa podridão de pai de santo? Isso que dá crer em porcaria. Alguém já viu pessoa culta fazer tal prática? Então está explicado. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história efaça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.