Força Nacional ficará no Acre e no Mato Grosso do Sul por mais 180 dias

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 10/03/2014 09:03

Agência Estado

Os homens da Força Nacional de Segurança Pública vão continuar reforçando as operações policiais nas regiões de fronteira do Acre e de Mato Grosso do Sul por mais 180 dias. A portaria do Ministério da Justiça que prorroga a permanência do efetivo está na edição desta segunda-feira do Diário Oficial da União.

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, considerou necessário prorrogar a permanência da Força Nacional de Segurança Pública nas regiões fronteiriças dos dois estados para apoiar a Polícia Federal em atividades de fiscalização, prevenção e repressão dos crimes de contrabando, de saída irregular de riquezas, de tráficos de drogas e de armas, entre outros.

Segundo a portaria, o número de policiais e as ações a serem desenvolvidas obedecerão ao planejamento definido pelos órgãos envolvidos na operação e o prazo do apoio prestado pela Força Nacional poderá ser prorrogado novamente.

A autorização para o envio dos homens ao Acre ocorreu após solicitação feita em setembro de 2013 pelo governador do estado, Tião Viana, com o objetivo de combater tráfico de drogas, armas e crimes na fronteira com o Peru e a Bolívia.
Tags:
Comentários O comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.