18°/ 28°
Belo Horizonte,
23/NOV/2014
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Rodoviária e aeroportos do Rio têm manhã movimentada, porém sem atrasos No Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim/Galeão, as filas foram longas, porém com poucos atrasos, oito cancelamentos de voos domésticos e um internacional dos cerca de 80 voos marcados

Agência Brasil

Publicação: 05/03/2014 12:54 Atualização:

Os aeroportos e a rodoviária do Rio de Janeiro estavam movimentados pela manhã desta quarta-feira(5). No aeroporto Santos Dumont, as filas eram pequenas e a maioria dos voos saiu no horário previsto, com registro de quatro cancelamentos do total de 57 voos programados até o meio-dia.

Na Rodoviária Novo Rio, milhares de pessoas partiam e chegavam, com maior destaque para o setor de embarque. De acordo com a concessionária da rodoviária, cerca de 2,2 mil ônibus devem passar pelo terminal hoje, sendo 1,4 mil veículos extras. A expectativa é que até que o fim do carnaval meio milhão de pessoas passem pela rodoviária da cidade. A estudante de engenharia Vanessa Magnago só trabalha no estágio amanhã em Resende, sul fluminense, mas preferiu voltar para casa mais cedo para evitar o trânsito.

“Pegamos sete horas de engarrafamento na vinda. Estamos indo embora mais cedo, pois não sabemos quanto tempo vamos demorar”, disse ela. A viagem até a Resende demora em média duas horas, sem trânsito.

Já o casal Sheila Policarpo de Souza e Fabrício Fernandes voltaram de Paracatu, em Minas Gerais, ontem (4) para não ter que enfrentar as 16 horas de viagem que fizeram na ida para o carnaval, que geralmente leva 12 horas. “A volta levou 13 horas. Só trabalho na outra semana, mas ele trabalha amanhã, por isso voltamos antes”, contou.

No Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim/Galeão, as filas eram longas, porém com poucos atrasos, oito cancelamentos de voos domésticos e um internacional dos cerca de 80 voos marcados. A publicitária Elisa Lacerda voltava para o Recife e achou a movimentação no aeroporto estava um pouco maior que na chegada, mas sem transtornos.

“Estou voltando pelo compromisso, pois se fosse pelo coração eu ficava aqui de vez”, disse ela em sua primeira visita ao Rio. “Os blocos são pontuais, são várias culturas, achei incrível”, completou.
Tags:

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história efaça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.