Receita Federal descobre indícios de corrupção no Rio Grande do Sul

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 30/01/2014 11:19

Agência Brasil

A Receita Federal deflagrou nesta quinta-feira a operação no Rio Grande do Sul para investigar sinais exteriores de riqueza e patrimônio não declarado de servidores públicos da Prefeitura de Porto Alegre e em outras cidades do estado.

A Coordenação de Pesquisa e Investigação (Copei), em conjunto com a Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Público de Porto Alegre, representada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), cumpre nove mandados de busca e apreensão nos municípios de Porto Alegre e Torres, no litoral gaúcho.

A Receita informou que a operação é o resultado de trabalho desenvolvido de forma coordenada, envolvendo a Copei e Gaeco. As investigações identificaram indícios de crimes de corrupção e de lavagem de dinheiro, além de sonegação fiscal, nos casos examinados.

Foi identificado também, destacou a Receita, o envolvimento de um empresário do ramo da construção civil no esquema fraudulento investigado. Também estão sendo feitas buscas em três empresas que prestavam serviços para a Prefeitura de Porto Alegre ou foram usadas para lavar o dinheiro obtido com o crime.
Tags:
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.