17°/ 30°
Belo Horizonte,
31/OUT/2014
  • (2) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Caminhão não estava a serviço da prefeitura

Agência Estado

Publicação: 28/01/2014 12:31 Atualização: 28/01/2014 20:09

Rio (AE), 28 - O coordenador do Centro de Operações da Prefeitura do Rio, Pedro Junqueira, disse que o caminhão que se chocou contra uma passarela na Linha Amarela não estava a serviço da administração municipal. Segundo ele, o veículo era cadastrado na prefeitura para fazer remoção de entulho. O veículo possui um adesivo na porta da cabine que diz "a serviço da Prefeitura". Outro adesivo é do nome da empresa: Arco da Aliança. A reportagem ainda não conseguiu contato com a empresa.
Tags:

Esta matéria tem: (2) comentários

Autor: Marco Pereira
Com alturas elevadas sabendo-se a altura de ônibus, caminhões, tratores...e se fossem construídas passarelas, viadutos os engenheiros pensando nisso, não teríamos acidentes banais como este. Acidente tosco...premeditado...VAI ENTENDER O CÉREBRO DE CERTOS PROFISSIONAIS... | Denuncie |

Autor: Marco Pereira
Não interessa se o caminhão estava ou não a serviço seja de quem for. O que interessa é ignorância e incompetencia que insiste em permanecer na mente de profissionais que não enxergam que acidentes podem ser evitados com serviços perfeitos como por exemplo, passarelas e viadutos com alturas elevadas. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história efaça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.