18°/ 33°
Belo Horizonte,
18/SET/2014
  • (3) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Secretário de Segurança Pública do Rio diz que 'rolezinho' não é crime José Mariano Beltrame afirmou que a polícia não atuará de forma preventiva no encontro marcado para domingo, 19, no Shopping Leblon (zona sul), um dos mais sofisticados da capital fluminense

Agência Estado

Publicação: 14/01/2014 16:07 Atualização: 14/01/2014 16:29

O secretário de Segurança Pública do Estado do Rio, José Mariano Beltrame, afirmou nesta terça-feira, 14, que "rolezinho não é crime" e que a polícia não atuará de forma preventiva no encontro marcado para domingo, 19, no Shopping Leblon (zona sul), um dos mais sofisticados da capital fluminense.

"Em primeiro lugar, 'rolezinho' não é crime. É um fato que se dá dentro de uma instituição privada. Não vamos tomar nenhuma atitude em relação a isso. Vamos ficar somente atentos e, se a polícia for demandada, vai atuar", afirmou. "Não consiste em crime nenhum, não vamos tomar nenhuma atitude preventiva nesse sentido." Beltrame disse não ter recebido nenhum pedido de reforço policial nos shoppings. "A mim, cabe lutar pela segurança do Rio de Janeiro, que não é um processo fácil, mas não vejo crime nisso. Se porventura vier a ocorrer uma incidência criminal, a polícia vai atuar", insistiu.

Ele recebeu nesta terça-feira a imagem peregrina de São Sebastião, padroeiro da capital, levada pelo arcebispo do Rio, d. Orani Tempesta, nomeado cardeal pelo papa Francisco, neste domingo, 12. Beltrame carregou a imagem peregrina até a secretaria, onde d. Orani presidiu uma rápida cerimônia religiosa.

Bem-humorado, o secretário de Segurança Pública do Estado do Rio disse que se sente um pouco cardeal. "Sempre recebemos aqui a imagem do santo padroeiro. Dessa vez, foi muito especial porque foi trazida por nosso cardeal. Todos nós cariocas nos sentimos um pouco cardeais, permita-me Jesus Cristo dizer isso", brincou o gaúcho, que fez um pedido para a cidade: "Que todos nós tenhamos cada vez mais paz e que sejamos cada vez mais caridosos".

O arcebispo do Rio participou nesta terça de mais um dia da Trezena de São Sebastião, que é realizada até segunda-feira, 20, dia do santo. D. Orani leva a imagem do padroeiro a vários pontos do município, passando por hospitais, igrejas, centros sociais, favelas, repartições públicas e escolas. Da Secretaria de Segurança Pública (SSP) do Estado do Rio, ele seguiu para a prefeitura, onde se encontrou com o prefeito Eduardo Paes (PMDB). Nesta segunda-feira, 13, d. Orani esteve na Escola Municipal Tasso da Silveira, em Realengo (zona oeste), onde, em 2011, 12 crianças foram mortas por um ex-aluno que fez vários disparos nas salas de aula.
Tags:

Esta matéria tem: (3) comentários

Autor: alvaro mello
E realmente este Sr. tem razão, baderna, violencia, roubo, quebradeira, isto e normal., parabens | Denuncie |

Autor: Antônio Antônio Macedo Filho
É por isso que a segurança pública está como está. Eleitores vamos fazer uma campanha para demitir todos esses político, não reelegendo ninguém. | Denuncie |

Autor: mauricio oliveira
Realmente nada no Rio de Janeiro e crime, cidade sem lei, terra de ninguém, Paraiso para bandidos, e isto ai Professor, ensinando a turma a virar BANDIDOS, PARABENS!!!!! | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história efaça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.