Grupo depreda Cemitério do Araçá, na Zona Oeste de São Paulo

Vândalos quebraram 21 estátuas, uma capela e banheiros. Prejuízos ainda não foram cauculados.

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 06/01/2014 16:39

Agência Estado

Um grupo entre 25 e 30 vândalos invadiu na madrugada deste domingo, 5, o Cemitério do Araçá, na região da Consolação, zona oeste de São Paulo, e danificou ao menos 21 estátuas, dois carros elétricos, uma capela e os banheiros. De acordo com testemunhas, eles trajavam roupas pretas e pularam o portão da entrada para sair do local por volta das 4 horas.

O caso foi registrado como vandalismo no 91º Distrito Policial (Vila Leopoldina), mas será investigado pelo 23º DP (Perdizes). Segundo o Serviço Funerário, não houve furtos. Ainda não foi levantado o valor dos estragos. Algumas das estátuas tombadas eram de bronze e mármore de Carrara, trazidas por famílias da Itália. O Cemitério do Araçá foi fundado em 1887, mas, conforme a Prefeitura, não é registrado como Patrimônio Histórico. Em novembro, o ossário-geral e estátuas do cemitério foram alvo de vândalos.
Tags:
Comentários O comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.