19°/ 30°
Belo Horizonte,
21/ABR/2014
  • (14) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Líderes de facções exigem sexo para evitar execuções em penitenciária A informação sobre estupros de parentes de presos constará de relatório que será entregue brevemente ao presidente do CNJ e do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa

Agência Estado

Publicação: 24/12/2013 08:33 Atualização:

Mulheres e irmãs de detentos do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís (MA), estariam sendo obrigadas a manter relações sexuais com líderes de facções criminosas, conforme alertou o juiz auxiliar da presidência do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) Douglas Martins. “As parentes de presos sem poder dentro da prisão e estão pagando esse preço para que eles não sejam assassinados. É uma grave violação de direitos humanos”, afirmou o magistrado - que esteve na sexta-feira, 20, no presídio, um dia após o registro da 58.ª morte do ano de um detento em Pedrinhas.

A informação sobre estupros de parentes de presos constará de relatório que será entregue brevemente ao presidente do CNJ e do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa. Após a visita ao complexo penitenciário, o juiz Martins cobrou providências do governo do Maranhão.

Na semana passada, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, já havia encaminhado um ofício à governadora Roseana Sarney pedindo informações atualizadas sobre a situação do sistema carcerário no Estado. Eventualmente, ele poderá propor que seja decretada intervenção federal no Maranhão. Dias antes, cinco presos haviam sido mortos durante uma briga - três deles foram decapitados.

Conforme informações divulgadas nesta segunda-feira, 23, pelo Conselho Nacional de Justiça, em Pedrinhas não há espaço adequado para visitas íntimas, que acabam ocorrendo no meio dos pavilhões, já que as grades das celas foram depredadas. O governo do Maranhão já decretou situação de emergência no sistema carcerário e pediu apoio da Força Nacional de Segurança.

“Por exigência dos líderes de facção, a direção da casa autorizou que as visitas íntimas acontecessem no meio das celas. Sou totalmente contrário à prática e pedi providências ao secretário da Justiça e da Administração Penitenciária (Sebastião Uchôa), que prometeu acabar com a prática em Pedrinhas”, disse o juiz.
Tags:

Esta matéria tem: (14) comentários

Autor: Pedro Henrique
LIDER DE FACCAO MANDA ATE NO PRESIDIO? QUEM SAO ELES PARA EXIGIR ALGUMA COISA????? SE FOR DIREITOS HUMANOS TUDO BEM, MAS MORDOMIA????? NAO ESTAO LA PASSANDO FERIAS NAO! AUTORIDADES CADE VOCES??? ABSURDO ESSA SITUACAO! MAS FICO SEGURO PQ A LEI DO CARMA FUNCIONA CEDO OU TARDE. | Denuncie |

Autor: Pedro Henrique
LIDER DE FACCAO TEM QUE: MORRER OU FICAR SÓ NA SOLITÁRIA! ISOLADO! BRASIL SIL SIL LIXO! | Denuncie |

Autor: dazio chaves
o culpado disso é o eleitor do maranhão que ainda não sabe votar: só tem sarney naquele estado. mas pega todos os lideres de facções, colocam todos juntos em uma solitaria e deixe que eles se matem entre si, já que adoram matar. | Denuncie |

Autor: danilo reis
O grande problema do País é a desigualdade. Isto se vê até na concorrência entre criminosos do colarinho branco e os criminosos comuns sendo que os últimos não tendo privilégios iguais aos que os do colarinho branco têm passam pelo menos os líderes das facções criminosas a abusarem de tudo e todos. | Denuncie |

Autor: Rafael Amaral
É uma baderna injustificável! Que penitenciária é esta que não tem controle sobre seus detentos? Isto é assunto para a corregedoria, se esta não estiver tb. comprometida. | Denuncie |

Autor: Mário Mário
O que o Maranhão precisa é de deixar de ser um Feudo da família Sarney!! a sua ação conservadora perdeu sentido de existência! DINO neles!!!! | Denuncie |

Autor: Leonardo
Os caras são radicais com lei seca, colocando multas extratosféricas, mas ninguém tem pulso para colocar uma perpétua ou uma pena de morte. Tem que ter a solução final para esses indivíduos. Cara tem condenação de mais de 100 anos, então tchau! | Denuncie |

Autor: Lázaro Damaceno
MAIS UM PROBLEMA MEDÍOCRE PARA O PRESIDENTE JOAQUIM BARBOSA RESOLVER, PARECE-ME QUE SÃO AS LEIS QUE TEM QUE MUDAR ISSO É PROBLEMA DO CONGRESSO NACIONAL. | Denuncie |

Autor: Carlos Felipe Guimaraes
Esperar o quê de um país governado pelo PT, onde todo bandido é vítima da sociedade burguesa neoliberal??? Esperar o quê de um estado que é capitania hereditária da família Sarney??? FORA PT! FORA SARNEY! IMPEACHMENT JÁ! JOAQUIM BARBOSA PRESIDENTE! | Denuncie |

Autor: Cesar Silva
Pérolas do Sarneyquistão. Terra sem lei! | Denuncie |

Autor: Pedro Pedrosa
Eu acho que estou emburrecendo com o fatos como este, vejam bem, o crime de estrupo é considerado hediondo independente de onde ocorra. Porque que neste caso que são cometidos contra parentes de presidiários "sem poder" eles vão tramitar via relatório e não como um crime hediondo. Tenho dito. | Denuncie |

Autor: Ricardo gonçalves de souza
E pensar que em outros paises do mundo o presidiario naão tem direito a nada e sim obrigações ,trabalho forçado,disciplina e etc.Aqui eles exigem,isto mostra como a lei no Brasil em todas as instancia e fraca e pessima,e ainda tem os direitos humanos!O Brasil so mostra que não e serio mesmo! | Denuncie |

Autor: alvaro mello
Estamos no fim do mundo, tem que acabar c estes vermes | Denuncie |

Autor: Teo Fernandes
Bandido fazendo exigência e, por cima, preso. Só mesmo neste país avacalhado em todos os sentidos. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história efaça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.