SIGA O EM

Trump escolhe deputado republicano Tom Price para secretário de Saúde dos EUA

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
[]

postado em 29/11/2016 09:19

Agência Estado

Washington, 29 - O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, selecionou o presidente do Comitê Orçamentário da Câmara dos Representantes, o republicano Tom Price, como seu nome para secretário do Departamento de Saúde e Serviços humanos, segundo a equipe de transição de governo. O congressista, no sexto mandato, estará no comando do órgão que provavelmente desmantelará a reforma no sistema de saúde realizada pelos democratas em 2010.

Price, de 62 anos, tem formação em ortopedia e é um dos vários médicos republicanos que buscam uma posição de destaque na próxima administração. Boa parte da crítica do Partido Republicano à reforma de saúde realizada pelo Partido Democrata, conhecida como Obamacare, é centrada na autoridade dada ao governo federal e ao órgão que Price agora comandará. "Nós achamos que é importante que Washington não esteja no comando dos cuidados com saúde", afirmou Price em entrevista anterior. "O problema que eu tenho com o Obamacare é a premissa de que Washington sabe mais."

O deputado tinha sua própria proposta para reformar a saúde nos EUA, com créditos tributários ajustados para cada idade para as pessoas que compravam seguro-saúde, caso não tivessem acesso a um plano em seu emprego ou por meio de um programa do governo. As pessoas que integravam os planos do governo, como o Medicare, o Medicaid ou o Tricare, também teriam a opção de abandonar a iniciativa e obter crédito tributário para a cobertura privada dos gastos com saúde. Price anteriormente defendia deduções tributárias em seus planos, mas depois passou a privilegiar o sistema de créditos, por considerá-lo mais transparente.

O futuro secretário de Saúde já disse, porém, que está disposto a dialogar com outros políticos sobre o melhor sistema para o setor no país. Price votou contra o financiamento federal para o aborto e foi contrário a que os planos de saúde cobrissem contraceptivos sem custos extras para o usuário.

Price precisa ainda ser confirmado pelo Senado norte-americano para o posto. Fonte: Dow Jones Newswires.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600