SIGA O EM

Morte de Fidel Castro é recebida com celebração e tristeza pelo mundo

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
[]

postado em 26/11/2016 10:55

Agência Estado

Miami, 26 - A morte do líder cubano Fidel Castro provocou comemorações entre cubanos em Miami, nos Estados Unidos, e expressões de tristeza por parte de líderes mundiais.

Cerca de meia hora após o anúncio da morte pelo presidente Raúl Castro, podia-se ouvir festejos vindos da região de Miami conhecida como "Little Havana" (do inglês "Pequena Havana"). Milhares de pessoas batiam em panelas e carregavam bandeiras cubanas gritando: "Cuba, sim! Castro, não!".

"Me sinto estranho", disse Gabriel Morales, um executivo de 40 anos em Miami cujos pais deixaram Cuba depois que Castro chegou ao poder no país. "Esperei para ouvir isso durante toda a minha vida, parece irreal", afirmou.

A política e o poder de Fidel Castro pairaram por muitos anos sob Miami e ajudaram a moldar a cidade e seus habitantes, uma vez que muitos dos moradores chegaram ali fugindo do regime socialista.

A morte de Fidel Castro, no entanto, foi lamentada por líderes de diversos países.

"Fidel Castro fez no século XX tudo o que foi possível para destruir o sistema colonial, para estabelecer relações cooperativas", disse o ex-presidente soviético Mikhail Gorbachev à agência de notícias Interfax. "Fidel sobreviveu e fortaleceu seu país durante o mais severo embargo norte-americano, quando havia enorme pressão sobre ele, e ainda levou seu país para o caminho do desenvolvimento independente", concluiu.

Salvador Sanchez Ceren, o presidente de El Salvador, disse que sentia "profundo pesar". Ele descreveu Fidel Castro como "amigo e eterno companheiro".

O presidente do México, Enrique Peña Nieto, declarou no Twitter que "Fidel Castro era um amigo do México" que "promoveu relações bilaterais baseadas em respeito, diálogo e solidariedade"

Nerendra Modi, o primeiro-ministro indiano afirmou que a "Índia lamenta a perda de um grande amigo".

Um depoimento do governo espanhol foi divulgado no qual Castro é chamando "figura de enorme importância histórica".

A TV estatal cubana exibe uma programação especial celebrando a vida do antigo líder. O especial inclui imagens do passado de Fidel Castro em discursos sobre a Revolução. Fonte: Associated Press.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600