SIGA O EM

China é o país que mais solicitou patentes em 2015, segundo a ONU

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
[]

postado em 23/11/2016 14:43

Agência Estado

Genebra, 23 - A China se manteve à frente entre os países que mais solicitam patentes no ano passado, com 1 milhão de propostas, centradas quase por completo em seu gigantesco mercado nacional, afirmou nesta quarta-feira a agência de propriedade intelectual da Organização das Nações Unidas.

Segundo a Organização Mundial de Propriedade Intelectual (OMPI), a China apresentou quase uma de cada três solicitações do total de 2,9 milhões recebidas em 2015. Em seguida vem os Estados Unidos e o Japão, com quase meio milhão cada uma. Os pedidos domésticos representam quase dois terços do total mundial e somente 42 mil petições chinesas foram para patentes no exterior.

O aumento mostra a forte demanda de proteção para os direitos de proteção intelectual, disseram os funcionários da OMPI na apresentação de seu relatório anual na quarta-feira.

A tecnologia informática, a maquinaria elétrica e as comunicações digitais registraram o maior número de solicitações de patente publicadas, de acordo com a agência.

As solicitações que são apenas para uso doméstico representaram quase dois terços do total mundial. Somente 42 mil dos pedidos chineses foram para patentes fora da China. Os EUA, por sua vez, foram o país com mais solicitações de patentes no exterior, com quase 238 mil no ano passado.

Em geral, o número de patentes no ano passado cresceu 5,2%, a 1,2 milhão. As solicitações de marca registrada aumentaram 15,3%, a quase 6 milhões, e as aplicações em design industrial subiram 2,3%, a 872 mil. Fonte: Associated Press.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600