Publicidade

Estado de Minas

Incêndio ameaça casas na Pampulha; veja o vídeo

Famílias que moram no Bairro Engenho Nogueira sofrem desde a madrugada por causa de uma queimada que atinge uma área verde próxima à região


postado em 04/09/2017 14:08 / atualizado em 04/09/2017 22:18

Chamas se aproximaram de casas no Bairro Engenho Nogueira(foto: Reprodução/youtube)
Chamas se aproximaram de casas no Bairro Engenho Nogueira (foto: Reprodução/youtube)

As dezenas de incêndio que atingem diferentes pontos de Belo Horizonte vêm provocando medo em moradores. Famílias que moram no Bairro Engenho Nogueira, na Região da Pampulha, sofrem desde a madrugada por causa de uma queimada que atinge uma área verde próxima da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). As chamas ficaram altas e chegaram a atingir muros de casas. Bombeiros continuam no local combatendo o fogo.



As chamas foram identificadas por volta das 3h na Rua Desembargador Paula Mota, próximo ao número 1.083. Por causa da vegetação seca, o fogo se espalhou rapidamente e tomoum grandes proporções. Moradores de uma casa da região filmaram a aproximação do incêndio próximo ao imóvel.

No vídeo, é possível ver o fogo alto perto de um muro. Os ventos fortes dificultaram os trabalhos dos bombeiros, que foram até a residência para evitar que o incêndio se alastrasse. Muita fumaça tomou conta do lote. Por pouco, a casa não foi atingida.

MOBILIZAÇÃO A economista Maria Angélica Martins, de 45 anos, moradora do bairro, disse que uma rede de mobilização foi feita em uma tentativa de combate ao incêndio, assim como no auxílio com a saúde das crianças que estavam em contato direto com a fumaça. "A rua inteira ficou mobilizada e os prédios foram evacuados. E aí alguns vizinhos, que moravam um pouco mais distante, ligaram oferecendo cuidados às crianças", contou a economista, que levou os filhos para ficarem na casa de um deles que estava sem fumaça. 

De acordo com o Corpo de Bombeiros, as chamas são combatidas desde a madrugada. Oito militares utilizam bombas costais e fazem o combate direto. Por volta das 18 horas, os bombeiros ainda estavam no local. As causas ainda estão sendo investigadas.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade