SIGA O EM

Árvore de grande porte cai sobre três carros na Avenida do Contorno

Espécime também atingiu a fiação elétrica, segundo o Corpo de Bombeiros. Ninguém ficou ferido

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
[{'id_foto': 1111331, 'arquivo_grande': '', 'credito': 'Jair Amaral/EM/D.A PRESS', 'link': '', 'legenda': 'Ve\xedculos estavam estacionados quando foram atingidos', 'arquivo': 'ns62/app/noticia_127983242361/2017/03/20/855699/20170320120737295183i.jpg', 'alinhamento': 'left', 'descricao': ''}, {'id_foto': 1111332, 'arquivo_grande': '', 'credito': 'Jair Amaral/EM/D.A PRESS', 'link': '', 'legenda': 'Tronco se partiu e \xe1rvore caiu na altura do n\xfamero 5.628, danificando ve\xedculos', 'arquivo': 'ns62/app/noticia_127983242361/2017/03/20/855699/20170320121054440855a.jpg', 'alinhamento': 'left', 'descricao': ''}]

postado em 20/03/2017 12:08 / atualizado em 20/03/2017 17:40

Guilherme Paranaiba

Jair Amaral/EM/D.A PRESS
O Corpo de Bombeiros foi acionado para uma ocorrência de queda de árvore de grande porte na Avenida do Contorno em frente ao número 5.628, no Bairro Funcionários, Região Centro-Sul de BH. Uma viatura está seguindo para o local.

De acordo com os primeiros detalhes, a árvore caiu em cima de três carros próximo ao cruzamento com a Rua Professor Morais e também atingiu a fiação elétrica. Uma equipe da Cemig já está no endereço em questão e, segundo os bombeiros, ninguém ficou ferido.

Um dos veículos atingidos é da gestora da Loja de Franquia, Adriana Newton. Ela conta que já fez contato com um advogado e vai acionar a Prefeitura de BH na Justiça.

"A árvore estava totalmente oca e podre. Acho um absurdo a prefeitura deixar uma árvore nessa situação. Ela fica em frente a um ponto de ônibus e poderia ter caído em cima de pessoas. Eu pago os impostos devidos e agora quero uma indenização", afirma.

Por meio de nota, a Regional Centro-Sul informou que a árvore já tinha sido vistoriada por técnicos da Gerência de Jardins e Áreas Verdes no dia 1º de fevereiro de 2017. “Por meio de laudo técnico emitido na mesma data, a equipe recomendou que o proprietário do imóvel providenciasse a supressão da árvore, que apresentava péssimo estado vegetativo e fitossanitário, com a copa desequilibrada”, afirmou no documento. Segundo a pasta, como a árvore está localizada em área interna particular, a supressão tem que ser feita pelo proprietário do imóvel.

Jair Amaral/EM/D.A PRESS
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
 
Elias
Elias - 20de Março às 15:35
Mas que justo que a prefeitura indenize as vitimas. Se fosse o contrario, a prefeitura iria cobrar em velocidade supersônica as multas e valores de seus devedores.
 
Eduardo
Eduardo - 20de Março às 15:27
E passeio é lugar de parar carro?
 
Juliano
Juliano - 20de Março às 14:31
E vai cair a outra que está seca do lado. I_N_C_P_E_T_E_N_C_I_A!