SIGA O EM

Iepha lança campanha para evitar danos ao patrimônio durante o carnaval

Há alguns anos, o estado registrou episódios de depredação

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
[{'id_foto': 997281, 'arquivo_grande': '', 'credito': 'Leandro Couri/EM/D.A Press - 16/02/2015', 'link': '', 'legenda': '', 'arquivo': 'ns62/app/noticia_127983242361/2016/02/01/730308/20160201113421185726o.jpg', 'alinhamento': 'left', 'descricao': ''}]

postado em 01/02/2016 11:31 / atualizado em 01/02/2016 13:54

Estado de Minas

Leandro Couri/EM/D.A Press - 16/02/2015

A poucos dias do carnaval, o Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha-MG) lança uma campanha para evitar danos ao patrimônio do estado durante a folia.

Em Minas Gerais, a festa acontece em diversas cidades, entre elas as históricas, onde milhares de pessoas ocupam ruas e avenidas onde há bens protegidos. Há alguns anos, o estado registrou episódios de depredação e o objetivo da campanha é evitar essas ocorrências.

Durante a campanha, o Iepha vai divulgar orientações para que os foliões se divirtam com segurança, sem colocar o patrimônio em risco. A campanha também é voltada para os agentes públicos municipais. Veja algumas das orientações:

•A instalação de barracas, palcos, arquibancadas, caixas de som, telões e equipamentos em geral deve guardar distância dos bens culturais e da rede elétrica

•Os banheiros públicos devem ser instalados em locais adequados e afastados das fachadas dos imóveis e monumentos culturais

•As prefeituras devem orientar os trajetos de trios elétricos e carros alegóricos para que não provoquem danos ao patrimônio

•As prefeituras devem realizar campanhas educativas para a preservação do patrimônio cultural
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600