Mulher é morta a tiros em suposto crime passional no Bairro Bonfim

O autor do homicídio, que é ex-companheiro da vítima, foi preso e encaminhado para a delegacia

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 10/04/2013 15:36 / atualizado em 10/04/2013 19:14

João Henrique do Vale

Uma mulher de 22 anos foi morta a tiros na tarde desta quarta-feira na Rua Além Paraíba, Bairro Bonfim, na Região Noroeste de Belo Horizonte. O autor dos disparos era um ex-companheiro da vítima que acabou preso por um policial civil que ouviu o barulho dos tiros.

O crime aconteceu na passarela do metrô no Bairro Lagoinha. A jovem estava junto com amigas quando foi abordado pelo suspeito armado. O homem, identificado como Admilson Pinheiro Ribeiro, atirou pelo menos três vezes contra Gilcirlene Pacheco Lago que morreu na hora. Os tiros acertaram na região da cabeça.

Um policial que estava próximo ao local, ouviu os barulhos dos tiros e conseguiu prender o homem. Com ele foi encontrado um revólver.

O casal viveu junto por aproximadamente 4 anos em um relacionamento conturbado. No final do ano passado, houve a separação. Inconformado, o homem resolveu matar a ex-companheira. Segundo a Polícia Civil, o criminoso informou, em depoimento, que comprou uma arma na Praça Sete na tarde de terça-feira.

O corpo da jovem foi removido para o Instituto Médico Legal (IML) de Belo Horizonte. Admilson foi autuado em flagrante por homicídio e encaminhado ao Ceresp São Cristóvão.
Tags:
Comentários O comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.