20°/ 27°
Belo Horizonte,
21/OUT/2014
  • (7) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Três adolescentes são mortos durante ensaio de escola de samba em São João del Rei Os três menores também foram baleados, mas não correm risco de morrer. Um dos autores dos disparos já foi preso, após confessar a participação no crime

Marcelo Ernesto

Publicação: 19/01/2013 15:53 Atualização: 19/01/2013 17:37

Três adolescentes foram mortos na madrugada deste sábado em São João Del Rei, na Região Central de Minas, durante o ensaio da escola de samba São Geraldo, que fica no bairro de mesmo nome. Conforme informações da Polícia Civil, que já investiga o caso, outros três adolescentes também foram baleados e socorridos para hospitais da região, mas não correm risco de morrer. Um menor de 17 anos, acusado de estar entre os suspeitos de cometer o crime, foi preso no começo da tarde na cidade e confessou a participação. Conforme a Polícia Civil, ele será encaminhado para a cadeia de São João Del Rei e neste domingo será apresentado ao Ministério Público. O juiz de menores da cidade já foi informado sobre o caso.

Ainda conforme a Polícia Civil, um dos menores que participava do ensaio, dias antes, teria tentado matar um dos suspeitos da ação, mas o alvo conseguiu escapar. Para se vingar, o menor que escapou se juntou a outros comparsas e foi até o ensaio para matar o autor da tentativa de homicídio. Porém, chegando ao local, o grupo de cerca de quatro pessoas acabou atirando indiscriminadamente e acertaram outras pessoas que estavam no local. Na confusão, o real alvo da ação conseguiu escapar. A polícia ainda não informou se a arma usada foi apreendida

No local morreram, T.S.B, de 17 anos; S.B.B, de 15 ; e R.S.F, de 14 anos. Os outros menores foram atingidos com disparos no pé e outro na coxa e já tiveram alta. O terceiro levou um tiro no rosto e ainda está internado. Os corpos já foram liberados pelo Instituto Médico Legal (IML).

Cerca de 15 pessoas estão sendo ouvidas pelo delegado que acompanha o caso.
Tags: celular

Esta matéria tem: (7) comentários

Autor: Aloisio Lopes
A sociedade apoiou a destruição da polícia, que hoje em dia não pode fazer quase que nada. Marginais tem o direito a tudo, e sempre encontram apoio em políticos interessados em aparecer. Agora aguenta. Perdemos todos, e só quem ganha é a bandidagem... | Denuncie |

Autor: helder pires
Antigamente as rivalidades eram resolvidas em discussões e pancadaria. Hoje, com a facilidade encontrada em adquirir armas, sobretudo, por menores, tornaram-se comuns execuções com estas. A sensação de impunidade cataliza a criminalidade a cada dia em todo o País. Este caso é emblematíco. | Denuncie |

Autor: Chacall Originall Queiroz
Bandidos Mirim tomou conta do país. Alguns pais irresponsáveis, não educam os filhos, e Borram nas calças de medo agressão dos filhos. A justiça já faliu faz tempo só falta colocar no caixão e fazer o enterro. Só resta a polícia, com poucos homens, pra cuidar da segurança. Educar para Liberar | Denuncie |

Autor: Edson Carneiro
Mais mortes para a estatística. Só uma coisa me causa estranheza no texto, o fato de apesar de estarem mortos, não citar os nomes ainda que irrelevante. A proteção que eles teriam eles não tiveram direito, essa agora já não se faz necessária. | Denuncie |

Autor: felipe ribeiro
Um símbolo do Brasil que está acabando. Tenho amigos meus do exterior que visitam Minas e me pedem para levá-los em Ouro Preto, Mariana e São João... estas cidades estão cada dia mais descuidadas, com favelas em seus entornos e agora esse nível de violência. Difícil Brasil... | Denuncie |

Autor: mauricio oliveira
La se foi uma cidade tranquilha que podiamos andar livres pelas ruas, agora e a vez da bandidagem dominar, onde esta a policia civil e militar das antigas, bandido tinha medo de cair em Sao Joao, a policia botava para quebrar....ACABOU!!! AGORA E SO PULIÇAAAAA. | Denuncie |

Autor: ANTONIO FILHO
Mais números pra estatísticas. Só isso. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história efaça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.