Jovem morre ao ser esfaqueada na frente do filho pelo marido em Poços de Caldas

A motivação do crime teria sido ciúmes. Após o crime, o homem fugiu e ainda não foi encontrado

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 14/01/2012 12:15

Glória Tupinambás /

Um crime passional chocou a cidade de Poços de Caldas, no Sul de Minas, a 470 quilômetros de Belo Horizonte. Uma jovem de 19 anos morreu depois de ser esfaqueada na frente do filho de 1 ano e três meses, na noite de sexta-feira. A vítima foi atingida por 12 golpes de faca na região do tórax e o principal suspeito do crime é o marido e pai da criança, que está foragido.

Segundo o sargento José Marques de Sousa, do 29º Batalhão da Polícia Militar, testemunhas afirmaram que Marina Tomáz da Silva, de 19 anos, foi abordada próxima de casa, na Rua Maranhão, no Centro de Poços de Caldas, pelo marido Matheus Augusto Santos Gonçalves, de 22, pouco antes das 23h. O boletim de ocorrência relata que ela estava dentro de um carro com algumas amigas e, ao descer do veículo, Matheus, que a aguardava na calçada com o filho no colo, teria iniciado uma discussão por ciúmes. Na briga, ele teria jogado a criança do chão e, em seguida, esfaqueado Marina.

A vítima chegou a ser socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas chegou à Santa Casa de Poços de Caldas sem vida. Amigas de Marina relataram aos policiais que o casal estava em processo de separação e que Matheus vinha fazendo constantes ameaças à esposa. O suspeito fugiu do local do crime e continua sendo procurado pela polícia.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.