SIGA O EM
 col-xs-12

Cemig integra Índice de Sustentabilidade da Dow Jones e aposta na confiança dos consumidores

Empresa tem mais de 40 usinas e parte dos seus 7 milhões de clientes em Minas

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
[]

postado em 14/11/2013 16:05 / atualizado em 14/11/2013 16:41

Consciente de sua própria dimensão e importância, a Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) – escolhida como a terceira marca mais prestigiada no estado e a segunda entre as do setor público – não descansa e mantém o foco no crescimento e atendimento dos seus mais de 7 milhões de clientes atuais no estado. Uma das maiores do setor no Brasil, ela extrapolou os limites mineiros e hoje sua atuação se estende a 22 estados, além do Distrito Federal, e ao Chile, onde opera uma linha de transmissão em consórcio com a Alusa.

Os valores da marca, entre eles a ética, a responsabilidade social, integridade e sustentabilidade, são disseminados entre todas as áreas da empresa, num esforço conjunto pela construção da confiança e da força do nome Cemig. “Desde o chão de fábrica até a alta direção, todos têm que saber a importância da marca. Temos a plena consciência de que não é o trabalho de apenas uma área, mas que permeia toda a estrutura da empresa. É um valor cada vez mais tangível no mundo de hoje”, explica o diretor de Relações Instituicionais e Comunicação da Cemig, Luiz Henrique Michalik.

Com uma posição ímpar no país, a companhia é a única do setor energético da América Latina que está incluída no Índice Dow Jones de Sustentabilidade, posição que mantém há 14 anos. A sustentabilidade, inclusive, pode ser considerada a base da marca e da reputação da Cemig. Conceito que permeia todas as ações da empresa e é o tema dos seus relatórios anuais, nos quais os números corroboram com sua grandeza. A população reconhece o trabalho e deu à estatal a quinta posição na pesquisa quando da análise do quesito responsabilidade social e ambiental. A Cemig também aparece na sexta posição no quesito melhores para investir e oitava entre as melhores para trabalhar.

Em 2012, foram 774 municípios atendidos só em Minas Gerais, mais de 8 mil empregados e uma receita operacional líquida de R$ 18,4 bilhões. O Grupo Cemig participa em mais de 100 empresas e consórcios, respondendo por 12% do mercado brasileiro em distribuição de eletricidade. Além disso, a empresa arrebanha 25% dos consumidores livres – aqueles que podem escolher a companhia de fornecimento de energia – do país.

EM CASA

 

“Se não tivéssemos a confiança do consumidor cativo, evidentemente não teríamos a respeitabilidade dos clientes livres do país”, avalia Michalik, que faz questão de ressaltar a importância de Minas Gerais para a empresa. “A Cemig é mineira. Não podemos nos esquecer que temos mais de 40 usinas instaladas no estado e um relacionamento muito forte com o público mineiro”, diz.

Conquistar 96% de um estado com as dimensões da França, suscetível a influências de outros estados e regiões, não é uma tarefa simples e muito menos deixada de lado. Por meio de uma comunicação eficiente e uma presença forte nas áreas e comunidades do entorno de suas usinas a Cemig se mostra comprometida com a sociedade na qual se insere.

Em cada uma das usinas existem programas ambientas e de responsabilidade social. Um dos exemplos é o programa Peixe Vivo, que prevê a expansão e criação de medidas para a conservação da fauna nas bacias hidrográficas nas áreas onde estão instaladas as usinas. Desde o monitoramento da qualidade da água em todos os reservatórios, até peixamentos e preservação de mata ciliar, numa tentativa de amenizar o impacto ambiental para as comunidades que dependem dos recursos locais para o seu desenvolvimento. O programa também contempla a formação de jovens velejadores para as usinas de Três Marias.

A Cemig é ainda a maior empresa em Minas que investe em projetos de cultura por meio de leis de incentivo e também na área esportiva, abarcando não apenas os esportes tradicionais, mas também os paralímpicos. “Procuramos diversificar. Aplicamos num grande número de projetos no interior do estado, para descentralizar um pouco da capital”, explica Michalik.

RELACIONAMENTO

O respeito ao consumidor e a comunicação com o público estão entre os valores praticados pela Cemig em sua gestão. Presente nas redes sociais, a empresa foi a primeira do setor de energia a trabalhar com o Twitter, mas, como confessa o diretor de relações institucionais, é um desafio a cada dia. “É um aprendizado constante. Somos um setor visto como conservador, só o que as pessoas veem são os postes na rua, os eletricistas, as unidades de geração. Por isso é preciso buscar a aproximação com o público, especialmente com a camada mais jovem da população”, conclui.

Tags:
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600