Congonhas: 20 anos de Festival de Inverno, 30 anos como Patrimônio Cultural Mundial

Cidade vai realizar o evento paralelamente às comemorações de 200 anos da morte de Aleiijadinho

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
[{'id_foto': 881408, 'arquivo_grande': '', 'credito': 'Welerson Athaydes/Divulga\xe7\xe3o', 'link': '', 'legenda': '', 'arquivo': 'ns62/app/noticia_127983242361/2015/06/29/663176/20150629183517148039i.jpg', 'alinhamento': 'center', 'descricao': ''}]

postado em 29/06/2015 18:33 / atualizado em 01/07/2015 09:44

Gustavo Perucci , Benny Cohen /

Welerson Athaydes/Divulgação


Com o tema “30 anos do título de Patrimônio Cultural Mundial” da cidade de Congonhas, o 20º Festival de Inverno promete valorizar os talentos locais, com várias apresentações gratuitas.

A festa começa no dia 16 e vai até 26 de julho. Abrigando um dos maiores tesouros da arte barroca, a Basílica do Senhor do Bom Jesus de Matosinhos, declarada patrimônio mundial pela Unesco, com os 12 profetas de Aleijadinho, Congonhas por si só já vale a visita. A cidade está celebrando o bicentenário da morte do artista (Veja o especial sobre o mestre do Barroco). Mais focado em teatro e dança, o festival terá apresentações gratuitas na Praça Presidente Juscelino Kubitschek, e oferecerá várias oficinas, a preços populares.

 

Veja fotos de Congonhas!

 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
Últimas Notícias