SIGA O EM

EXPEDIÇÃO CULTURAL 31/8/16

Convite para refletir as urgências da vida

Espetáculo que comemora o 15º aniversário da Cia Luna Lunera leva o espectador a questionar planos e sonhos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
[{'id_foto': 1069412, 'arquivo_grande': '', 'credito': 'Carol Thusek/Divulga\xe7\xe3o', 'link': '', 'legenda': "A montagem 'Urgente' j\xe1 foi apresentada 36 vezes em Belo Horizonte e 40 vezes no Rio de Janeiro", 'arquivo': 'ns62/app/noticia_127983242361/2016/08/31/799343/20160902121646386445u.jpg', 'alinhamento': 'center', 'descricao': ''}]

postado em 31/08/2016 09:20 / atualizado em 02/09/2016 12:16

Carol Thusek/Divulgação


Muitas vezes temos uma sensação de eternidade, mas em determinado momento a recorrente impressão de que você está no meio da vida. E aí? O que fazer? Seus sonhos foram realizados? O que ainda se pode desejar?

Essas são as indagações da sétima montagem da Cia Luna Lunera: “Urgente”. Dirigido por Miwa Yanagizawa ao lado da Areas Coletivo de Arte, do Rio de Janeiro (RJ), o espetáculo comemora os 15 anos da companhia.

A peça traz à tona a discussão das relações que o indivíduo contemporâneo trava com a vida que passa cada vez mais depressa deixando a sensação de que o momento de realização dos grandes planos e sonhos nunca chegará.

Questionamentos sobre a vida
“O ‘Urgente’ (2016) é um espetáculo que surge de desejos e de nossas indagações. Dois questionamentos se alinharam nesse período: o ator Marcelo, que estava fazendo 40 anos, com o momento no qual a gente estava reavaliando alguns planos. E a gente começa a pensar: Será que é o meio da vida? Então, se eu estou mais ou menos no meio da vida e ela está cada vez passando mais rápido, o que fazer sobre isso?”, indagou a atriz Isabela.

O espetáculo leva o espectador à reflexão. A peça já foi apresentada 36 vezes em Belo Horizonte (MG) e 40 vezes no Rio de Janeiro (RJ).

Agora, a Cia Luna Lunera segue com uma temporada em São Paulo (SP) e, depois, partirá para Brasília (GO). A expectativa é completar 127 apresentações. Ainda não há data prevista para o retorno da peça para a capital mineira.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600