SIGA O EM

Minas tem seis das 10 escolas públicas com melhores médias no Enem 2014

Ranking considerou nota obtida pelos alunos nas provas objetivas e redação. Na relação das escolas particulares, quatro instituições do estados ficaram entre as mais bem colocadas no exame

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 05/08/2015 12:12 / atualizado em 05/08/2015 13:13

Estado de Minas

Minas Gerais se destaca na relação das melhores escolas considerando a média obtida pelos alunos nas provas objetivas e na redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2014). Das 10 melhores instituições públicas no quesito, seis são de cidades do estado. Entre as 12 melhores particulares, quatro também ficam em Minas.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) divulgou os dados completos nesta quarta-feira. O resultado preliminar já havia sido divulgado no dia 9 de julho. Os dados englobam 15.640 escolas públicas e privadas de todo o Brasil, e não se tratam de média geral por instituição, mas da média nas provas objetivas e na redação.


Escolas públicas - Maiores médias nas provas objetivas

1º) Ifes - Campus Vitória (Vitória/ES) - média 700,30
2º) Colégio de Aplicação da UFV - Coluni (Viçosa/MG)  - média 693,32 3º) Colégio Politécnico da UFSM (Santa Maria/RS) - média 689,44
4º) Colégio de Aplicação do CE da UFPE (Recife/PE) - média 674,65
5º) Colégio Militar de Belo Horizonte/MG)  média 665,94

6º) Escola Preparatória de Cadetes do Ar (Barbacena/MG) - média 664,50
7º) Coltec - Colégio Técnico da UFMG (Belo Horizonte/MG) - média 661,66
8º) Campus 1 - BH (Belo Horizonte/MG)  média 658,67

9º) Centro de Educação Tecnológica de Minas Gerais - Cefet - campus Timóteo - média 658,04
10º) Etec de São Paulo (São Paulo/SP) - Estadual - média 657,59

Escolas particulares - Maiores médias nas provas objetivas

1º) Colégio Objetivo Integrado (São Paulo/SP) -  média 742,96
2º) Colégio Farias Brito - unidade central (Fortaleza/CE) - média 737,88
3º) Colégio Olimpo Integral (Goiânia/GO) - média 735,02
4º) Christus Colégio Pré-Universitário (Fortaleza/CE) - média 731,38
5º) Colégio Bernoulli - unidade Lourdes (Belo Horizonte/MG) - média 730,33
6º) Colégio Ari de Sá - unidade Major Facundo (Fortaleza/CE) - média 725,09
7º) Colégio e Curso Ponto de Ensino unidade Tijuca (Rio de Janeiro/RJ) - média 720,73
8º) Colégio Elite Vale do Aço (Ipatinga/MG)  - média 719,81
9º) Coleguium (Belo Horizonte/MG) - média 719,71

10º) Colégio Objetivo Integrado de Mogi das Cruzes (Mogi das Cruzes/SP) - média 718,66
11º) Colégio Bionatus II (Campo Grande/MS) - média 712,91
12º) Colégio Santo Antônio (Belo Horizonte/MG)  - média 711,95
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
 
Marcio
Marcio - 05 de Agosto às 17:47
Digo e repito... O ENEM acabou de vez com a chance do pobre entrar na univercidade pública... acho a maior graça!
 
Marcelo
Marcelo - 05 de Agosto às 17:37
Só falta o atual governo falar que é mérito dele!!!
 
Clodoveu
Clodoveu - 05 de Agosto às 17:03
Das 10 melhores estaduais, 5 são de SP. A melhor estadual de minas é a 67a. melhor estadual nacionalmente.
 
Clodoveu
Clodoveu - 05 de Agosto às 17:01
Todas essas 6 escolas das 10 melhores públicas são federais. A melhor estadual é apenas a 1879a.
 
Clodoveu
Clodoveu - 05 de Agosto às 16:57
Este Campus 1 do 8o lugar é na realidade o CEFET-MG, de BH. Outra coisa: o Bernoulli e o Colégio Santo Antônio são as duas melhores escolas do Brasil em que mais de 90 alunos fizeram o exame. A maioria das top são pequenas turmas especiais de colégios maiores, travestidas em colégios só pra aparecerem no topo.
 
FelipeGuerra
FelipeGuerra - 05 de Agosto às 16:00
Mas é bom que se frise que todas estas escolas públicas são federais, e não estaduais. Seria um absurdo supor que uma escola estadual,herdada de Aecim e seu bando pudesse ser bem classificada no Enem.
 
Diego
Diego - 05 de Agosto às 14:15
Sim, escolas públicas mineiras, sendo oito delas, mantidas com recursos federais...
 
leonardo
leonardo - 05 de Agosto às 13:58
Agora eu quero saber se o atual governo, tem coragem de admitir que isso é culpa da administração passada.
 
José
José - 05 de Agosto às 17:52
Claro que tem coragem, o ENEM refere-se a 2014, quando éramos administrados pelos tucanos. E para que entende de Educação, sabe-se que em alguns meses não é possível corrigir doze anos de atraso.
 
Marcelo
Marcelo - 05 de Agosto às 17:37
Duvido que ele fale alguma coisa!!
 
Ricardo
Ricardo - 05 de Agosto às 12:42
é muita cara de pau da reportagem... faz a contagem até a posição 12ª para incluir o santo antônio entre as "dez" mais... se o santo antônio estivesse em 13ª a reportagem traria os 13 primeiro lugares, com certeza.