SIGA O EM

Minas ainda tem muitos analfabetos funcionais

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 21/03/2014 00:12 / atualizado em 24/03/2014 07:16

O governo do estado apresentou ontem estudo sobre a população acima de 60 anos em Minas. Apesar das diferenças regionais, a quantidade de analfabetos funcionais apontada pelo boletim de educação é grande. Mais da metade dos idosos sabia escrever o nome e ler e escrever frases simples, mas incapazes de interpretar o que liam e de usar a leitura e a escrita em atividades cotidianas.

O boletim, dividido em 10 temas (assistência social, benefícios, domicílios, educação, gastos, juventude, renda, saúde, segurança pública e trabalho), analisa dados da edição de 2011 da Pesquisa por Amostra de Domicílios de Minas Gerais (PAD-MG) coletados em 18 mil domicílios distribuídos nas 10 regiões de planejamento do estado e na Região Metropolitana de BH. De acordo com os dados em educação, os piores indicadores estão nas regiões Jequitinhonha, Mucuri e Norte, nas quais cerca de 90% da população idosa tinha até 4 anos de estudo e 76% eram analfabetos funcionais.
Tags:
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.