SIGA O EM

Montes Claros quer colocar Bruno no gol e deve assinar contrato nesta sexta

Time tenta viabilizar inscrição do goleiro, que precisará de autorização da Justiça para jogar

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
[{'id_foto': 640049, 'arquivo_grande': '', 'credito': 'Marcelo Albert/TJMG 6/3/13', 'link': '', 'legenda': 'Condenado a 22 anos e 3 meses de pris\xe3o, ex-atleta est\xe1 detido desde julho de 2010', 'arquivo': 'ns62/app/noticia_127983242361/2014/02/28/503008/20140228004923165637i.jpg', 'alinhamento': 'center', 'descricao': None}]

postado em 28/02/2014 06:00 / atualizado em 28/02/2014 09:36

Luiz Ribeiro

Marcelo Albert/TJMG 6/3/13

O Montes Claros Futebol Clube, time da cidade de mesmo nome do Norte de Minas, anunciou a contratação do goleiro Bruno Fernandes de Souza, preso pela morte de Eliza Samudio, e tenta viabilizar a inscrição do jogador na Federação Mineira de Futebol (FMF). Segundo o presidente da equipe, Vile Mocellin, o objetivo é registrar o contrato hoje, quando termina o prazo para a inscrição de jogadores para disputar a segunda fase do Campeonato Mineiro do Módulo II. O clube norte-mineiro é líder da Chave B da competição.

O advogado Tiago Lenoir Moreira, um dos defensores de Bruno, informou que ainda na manhã de hoje vai levar o contrato à Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, Grande BH, onde Bruno cumpre pena, para que o documento seja assinado pelo goleiro. Logo depois, a papelada será encaminhada à FMF. “O Montes Claros Futebol Clube está oferecendo uma oportunidade de trabalho ao Bruno. O trabalho é uma forma de ressocialização, por isso esperamos que o Poder Judiciário possa liberá-lo para que ele volte a jogar futebol e se reintegrar à sociedade”, argumentou o advogado. Lenoir irá acompanhado de um médico que vai fazer uma avaliação física de Bruno.O objetivo é provar perante a Justiça que ele tem condições de voltar a jogar futebol, visando a liberação de Bruno para atuar pelo time de Montes Claros.

Condenado a 22 anos e três meses de prisão pela morte de Eliza, Bruno está preso desde julho de 2010 em Contagem. “O que está sendo providenciado agora é apenas o registro na federação, por causa do prazo, que termina nesta sexta-feira. É uma medida preventiva. Se perdermos o prazo, não haverá como fazer a inscrição”, disse Mocellin, que no fim de janeiro havia confirmado o interesse do clube pelo goleiro, condenado pelos crimes de homicídio e ocultação de cadáver.

Segundo ele, o propósito do Montes Claros é contribuir para a recuperação de Bruno “como ser humano”. “Entendemos que qualquer pessoa pode errar e merece uma segunda chance na vida”, argumentou o presidente do Montes Claros, acrescentando que consultou os patrocinadores do clube e recebeu o aval deles para o que classificou como “ação social”.

Mocellin disse que, além do processo judicial de progressão de pena, do regime fechado para o semiaberto, para que Bruno possa jogar, será necessária providenciar na Confederação Brasileira de Futebol (CBF) a transferência do goleiro, da Federação de Futebol do Rio de Janeiro para a Federação Mineira. Porém, ele salientou que quem está providenciando toda a documentação é o advogado Tiago Lenoir. “O advogado do Bruno cuida de tudo. Eu apenas devo receber o contrato pronto para assinar”, declarou o dirigente.

Em 23 de janeiro os advogados de Bruno encaminharam ofício ao juiz da Vara de Execuções Criminais de Contagem solicitando a transferência do detento para o Presídio Regional de Montes Claros, depois de terem negado pedido de cumprimento de pena na Associação de Proteção e Assistência aos Condenados (Apac) de Nova Lima, na Grande BH. A defesa alega que, pelo regime de progressão de pena, Bruno estaria próximo de entrar no regime semiaberto. No entanto, ele pode ficar mais tempo no regime fechado por problemas de comportamento. O condenado teria se envolvido em tentativa de agressão na unidade, o que é negado por seus advogados.
Tags:
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
 
Joao
Joao - 28 de Ferveiro às 11:56
Parabenizo o Montes Claros Futebol Clube, na pessoa de seu presidente, sr. Vile Moccelin, pela iniciativa e ação em prol da recuperação do ser humano.
 
fernando
fernando - 28 de Ferveiro às 11:07
Todos merecem uma chance, mas depois de pagar a pena , depois de 22 anos preso poderá jogar, desse jeito é muito fácil. MONTES CLAROS ADOTE UM BANDIDO....
 
Marcos
Marcos - 28 de Ferveiro às 10:30
Esse moço, ao que tudo indica, é mau caráter. É arriscado oferecer-lhe essa chance. Quando mais não seja, espera-se que o Sr. Juiz leve em conta a gravidade e crueldade do crime que ele cometeu.
 
Carlos
Carlos - 28 de Ferveiro às 10:24
Isso está parecendo lavagem de dinheiro no norte de minas. Só tem o bruno como goleiro no Brasil e no mundo???? A receita federal deveria dar uma pente fino nas constas do sr, Mocellin !!!!
 
Carlos
Carlos - 28 de Ferveiro às 10:21
esses advogados estão mais para bandidos que operadores de direito. AOAB fica calada como sempre. Só Falta o traficante beira mar criar uma equipe de peteca para "contribuir para a recuperação ", brincadeira neeeee!!!!
 
Sergio
Sergio - 28 de Ferveiro às 10:14
Com certeza , será recebido com fogos por toda a região!
 
comentarista
comentarista - 28 de Ferveiro às 10:12
Absurdo ressocializar assassino, ainda mais com o pouco da pena que ele cumpriu. Deveria ser ressocializado quando estiver no regime semi-aberto. Se ele fugir, quem será responsabilizado? Deveria ser o advogado que "tramoiou" para que ele tivesse este contrato.
 
Jairo
Jairo - 28 de Ferveiro às 10:10
Pode isto galvão?
 
Antonio
Antonio - 28 de Ferveiro às 09:48
Que palhaçada é essa? Preso tem de ficar preso.
 
Pedro
Pedro - 28 de Ferveiro às 09:21
Questão polêmica. Para leigos é difícil entender a Justiça. Vá saber... É Dirceu saindo da cana... É goleiro-bruno a voltar a fazer o que mais gosta, embora condenado.
 
Antonio
Antonio - 28 de Ferveiro às 09:13
Será que o Presidente do Clube de Montes Claros-MG, tambem não tem interesse em contratar o Delubio Soares, Jose Dirceu e Genoino para sua diretoria??? Quanto ao Bruno, se a ELISA SAMUDIO fôsse sua filha, voce o contrataria para seu time????
 
Antonio
Antonio - 28 de Ferveiro às 09:11
Este país é muito POBRE!!!Ontem a decisão do STF, agora a notícia do Time de Montes Claros querendo contratar o Ex-goleiro Bruno, sendo que ele está cumprindo pena, apenas com o intuito de transferí-lo para a cadeia de lá que será mais fácil ele fugir ou ter mais regalias. E o Corpo da ELISA????
 
Renato
Renato - 28 de Ferveiro às 09:08
Acho que este time ridículo, deveria contrata-lo não como goleiro mas como atacante "MATADOR"
 
sebastião
sebastião - 28 de Ferveiro às 09:01
Quando um ser humano erra por engano, pode ter coserto. Mas, esse cara é tão ruim, que nem informa onde estão os restos mortais. E gente má e ruim não tem mesmo recuperação.
 
João
João - 28 de Ferveiro às 08:50
Será que ele vai ficar no gol preso a uma corrente e esta presa numa bola de ferro? Se for, não vai conseguir defender nenhum chute a gol. rsss
 
ANDRE
ANDRE - 28 de Ferveiro às 08:45
tinha que ser um timinho dessa qualidade mesmo pra acobertar um assassino desses,alias nem isso pode ser chamar de time.ta querendo aparecer.
 
Marcos
Marcos - 28 de Ferveiro às 08:34
Estes dirigentes deveriam ter vergonha na cara, e o mesmo que atestar o crime , favorecendo a este bandido pelo assassinado desta mulher. Muda BRASIL !
 
Marco
Marco - 28 de Ferveiro às 08:28
Estamos falando de um condenado, assassino frio, calculista. Agora , nao cumpriu nada ainda da pena ja querem regalias? O BRASIL É UM GRANDE CIRCO
 
Helberth
Helberth - 28 de Ferveiro às 07:56
O cara é condenado por crimes absurdos e ainda vai acabar podendo trabalhar no que gosta!! Autorize sim sr. juiz que esse imprestável trabalhe para devolver parte do que é gasto com ele na cadeia. Mas que trabalhe fabricando paralelepípedos para calçar ruas por Minas afora... Aí sim, estará bom!
 
domicio
domicio - 28 de Ferveiro às 07:51
Crime no Brasil compensa