SIGA O EM

Time de Montes Claros mostra interesse em contratar goleiro Bruno

Os advogados do atleta já solicitaram à Justiça a transferência dele para um presídio na Região Norte de Minas. Solicitação ainda não foi avaliada pelo juiz

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 30/01/2014 17:55 / atualizado em 30/01/2014 18:12

Luiz Ribeiro

O presidente do Montes Claros Futebol Clube, Vile Mocellin, confirmou o interesse em contratar o goleiro Bruno Fernandes, condenado a 22 anos e três meses de prisão pela morte de sua ex-amante Eliza Samudio. Os advogados do atleta entraram com um pedido, em 23 de janeiro, para que ele seja transferido da Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, para um presídio em Montes Claros. Os defensores também solicitaram a ida do jogador para a Associação de Proteção e Assistência aos Condenados (Apac) de Nova Lima. Nenhum dos recursos foi julgado.

A decisão sobre a transferência de Bruno para o Norte de Minas será avaliada pelo juiz da Vara de Execuções Criminais de Montes Claros, Francisco Lacerda de Figueiredo, que, ouvido pela reportagem, não respondeu se aceita ou não a ida do goleiro para o presídio da cidade. O magistrado alegou que somente poderá se manifestar sobre o caso quando receber os autos que estão com o Ministério Público. “Não tenho nenhuma documentação oficial a respeito do Bruno. Só poderei me manifestar quando os documentos chegarem. Por enquanto, não tenho como me posicionar”, afirmou Lacerda. Com capacidade para 592 vagas, o presídio de Montes Claros está superlotado com 977 detentos.

O dirigente do Montes Claros FC, Vile Mocellin, declarou que vem mantendo contatos com os advogados de Bruno desde o final do ano passado. Ele assegura o interesse do “Bicho” - como o time é apelidado - é colaborar com a ressocialização do atleta. “O nosso clube também tem uma função social e queremos dar uma oportunidade para o Bruno se recuperar . Sabemos que qualquer pessoa pode errar, mas também pode se regenerar”, afirmou Mocelin.

Ele declarou ainda que caso seja conseguida a transferência e a liberação de Bruno para defender o Montes Claros, inicialmente, o goleiro não será aproveitado nos jogos oficiais do “Bicho”, que fará sua primeira partida no Módulo II dentro de casa, contra o Araxá.

Nessa quarta-feira, o advogado Francisco Simim, atual defensor de Bruno, disse em entrevista que o goleiro pretende retornar aos gramados, com o objetivo de trabalhar e ajudar no sustento duas filhas do atleta. Nesta semana, o advogado também informou que foi tentada negociação com o Villa Nova. Porém, por intermédio de sua assessoria, o time de Nova Lima informou que não tem interesse no ex-goleiro do Flamengo, condenado pela Justiça.
Tags: