SIGA O EM

Após deixar cadeia, ex-padrasto de Bruno volta a afirmar que Eliza Samudio está viva

Luiz Henrique Franco Timóteo deixou a cadeia em 7 de dezembro e, em entrevista o TV Verdade, deu detalhes da rota que teria sido feita pela ex-modelo para deixar o país

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 02/01/2013 16:12 / atualizado em 03/01/2013 09:44

Estado de Minas

O ex-padrasto do goleiro Bruno Fernandes, Luiz Henrique Franco Timóteo, reafirma que Eliza Samudio está viva. O homem, que cumpriu pena por tráfico de drogas em um presídio de Governador Valadares, na Região do Vale do Rio Doce, deixou a penitenciária no dia 8 de dezembro.

Em entrevista ao TV Verdade, ele garantiu que a ex-modelo está vivendo em outro país. Timóteo contou que ela passou pela cidade de Governador Valadares, tirou um passaporte e deixou o país acompanhada de amigas. O ex-padrasto do goleiro deu detalhes da rota que Eliza teria feito até chegar à Bolívia.


O homem afirma que esteve com a modelo depois da data divulgada como sendo a da morte dela. Segundo ele, se encontraram e conversaram em 12 de junho de 2010. No ano passado, o até então advogado de Bruno, Rui Pimenta, queria que Timóteo fosse ouvido.

Em novembro, a defesa do goleiro apresentou uma carta que teria sido escrita à mão por ele, informando que ajudou Eliza a sair do país em março de 2010, com documentos falsos. No entanto, ele nega ter redigido o documento. “Eu não mandei nenhuma carta para o doutor. Quem esteve (na penitenciária) foi o doutor Simin (atual advogado de Bruno), com o qual não falamos muita coisa. Ele foi lá, me perguntou se eu fiz a carta, eu não fiz nenhum comentário a respeito (…). Quem escreveu a carta foi uma pessoa que passou no presídio, para a qual eu contei o caso. Digamos que eu tenha contado oitenta e ela pode ter escrito oito, ou eu contei oito e ela pode ter escrito oitenta. Eu não sei o conteúdo da carta”, diz. Timóteo também afirma que recebeu uma ameaça de morte.

Assista ao início da entrevista com o ex-padrasto de Bruno


Tags: