SIGA O EM

Primo de jogador era alvo de ameaças, diz conhecido da família

Corpo de Sérgio Rosa Sales será sepultado nesta quinta-feira no Cemitério da Saudade.

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 23/08/2012 06:00 / atualizado em 23/08/2012 08:50

Landercy Hemerson

O corpo de Sérgio Rosa Sales, de 24 anos, primo do goleiro Bruno Fernandes, será sepultado hoje no Cemitério da Saudade, na Região Leste de Belo Horizonte. Parentes e amigos que ontem à noite estavam no velório pareciam não acreditar no assassinato a tiros, apesar de uma pessoa conhecida da família admitir que ele vinha recebendo ameaças por telefone. O informante não soube explicar se o jovem, que junto com Bruno respondia pelo desaparecimento e morte da modelo Eliza Samudio, ex-amante do atleta, chegou a pedir proteção à polícia.

O advogado de Sérgio, Marco Antônio Siqueira, não foi encontrado para falar sobre as supostas ameaças que o cliente estaria recebendo. O pai do rapaz, Carlos Alberto Sales, que não quis falar com a imprensa, apenas negou que o filho estivesse se envolvido numa recente briga durante uma partida de futebol, em que teria agredido uma pessoa com um tapa no rosto, versão que circulou após o assassinato e será investigada pela polícia.

O corpo chegou ao velório 2 do Cemitério da Saudade às 20h15. No local estavam apenas dois amigos do pai dele. Curiosos que estavam num velório ao lado se aglomeraram para ver o corpo. A família chegou por volta das 21h. Junto com a urna veio uma coroa de flores, sem identificação de quem a enviou, com a seguinte frase: “A tua partida deixa em nossos corações uma grande tristeza, porém, nos consola a certeza que descanse em paz com Deus”. Duas viaturas da Polícia Militar estiveram no local, para garantir a segurança das pessoas que participavam do velório.
Tags: