SIGA O EM

Advogado da mãe de Eliza quer que Quaresma seja investigado pela polícia

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 20/10/2010 10:07 / atualizado em 20/10/2010 10:41

Priscila Robini /

O delegado-chefe da Delegacia de Homicídios, Edson Moreira, recebeu na terça-feira uma denúncia-crime protocolada pelo advogado da mãe de Eliza Samudio, José Arteiro Cavalcante Lima, pedindo que o advogado Ércio Quaresma seja investigado por participação no crime. Segundo Arteiro, a cliente, Sônia Fátima Moura, quer enterrar o corpo da filha e dar uma sepultura digna à jovem.

A notícia-crime é uma denúncia apresentada à polícia quando o denunciante sabe que uma pessoa cometeu um crime.O pedido de Arteiro baseia-se nas declarações feitas por Quaresma em uma gravação exibida no último domingo pelo programa Fantástico. O advogado do goleiro afirmou: “'Nego' está querendo pegar o Bruno e a Dayanne e esquecer o resto. A senhora sabe por que não tem, se é que existe um cadáver, um cadáver insepulto até agora? Por minha causa.”

A gravação foi feita pela noiva do goleiro Bruno, a dentista Ingrid Oliveira, em seu consultório durante uma conversa com Quaresma. Ela ofereceu denúncia contra o advogado por ameaça e pediu o afastamento dele do caso.

Ouça o aúdio com as afirmações:


“O que ele disse ali é de uma pessoa que está comandando a coisa”, explicou Arteiro. O advogado completou dizendo que a fala de Quaresma é uma confissão extrajudicial e que ele e sua cliente têm interesse em encontrar o corpo de Eliza. Na notícia-crime o advogado pede a quebra de sigilo telefônico do advogado do goleiro. “Vamos ver se, investigando o Quaresma chegamos ao cadáver.”

Além de protocolar a notícia-crime na Polícia Civil, Arteiro fez o mesmo à juíza Marixa Fabiane Lopes, do Fórum de Contagem, que julga o processo do caso do desaparecimento e morte de Eliza. A magistrada está em férias e retoma os trabalhos em novembro. A Ordem dos Advogados do Brasil, seção Minas Gerais também apura a conduta de Ércio Quaresma.