Publicidade

Estado de Minas

Avô de Macarrão visita neto na Nelson Hungria


postado em 01/08/2010 13:16

O avô de Luiz Henrique Ferreira Romão, o Macarrão, foi até a Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, na manhã deste domingo. O pastor evangélico e motorista aposentado, Luiz Ferreira Neto, de 65 anos, revelou que conversou com o neto sobre o nascimento da segunda filha de Macarrão, marcado para segunda-feira. Luiz contou também que não acredita que Bruno e Macarrão estejam envolvidos no crime como afirma a Polícia Civil. Macarrão teria dito ao avô que não matou ninguém e não deve nada à Justiça.

Segundo o avô de Macarrão, Bruno teria passado mal no sábado. O motivo suposto desmaio não foi esclarecido. O Estado de Minas tentou confirmar a informação com a Secretaria Estadual de Defesa Social (Seds), mas os telefonemas não foram atendidos.

Horário de visitas na Penitenciária Nelson Hungria começa às 8h da manhã e termina às 17h. Porém, os visitantes só podem entrar até as 14h. A expectativa era de que a avó de Bruno fosse visitar o neto. No entanto, até o início da tarde ela não havia chegado. Além do avô de Macarrão, um casal de filhos do ex-policial Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, foram visitar o pai.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade