SIGA O EM

Bruno chora com visita da avó na penitenciária

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
O goleiro Bruno Fernandes, preso há 20 dias na Penitenciária Nelson Hungria, recebeu na manhã desta terça-feira a visita da avó, que o criou. Segundo o advogado Ércio Quaresma, o cliente ficou muito emocionado e chorou com a presença daquela que considera ser sua mãe. Os dois conversaram por cerca de 10 minutos. O advogado afirmou que Luiz Henrique Romão, o Macarrão também recebeu uma visita esta semana, mas não soube informar quem esteve na penitenciária.

Flamengo

Ércio Quaresma deu detalhes sobre a viagem que fará ao Rio de Janeiro para se reunir com a diretoria do Flamengo. Ele vai cobrar do clube o pagamento dos salários atrasados do goleiro Bruno Fernandes. Quaresma deve entregar aos diretores uma procuração para provar que pode representar o atleta em qualquer lugar do mundo e, portanto, zela pelos diretos do “homem Bruno”. Segundo o advogado, as filhas do atleta precisam do dinheiro para não passar necessidades, a mulher do Macarrão depende do salário pago ao marido, além de outros funcionários que também precisam ser remunerados.

Vídeo

Sobre o vídeo feito dentro da penitenciária por um agente, o advogado disse ter recebido uma garantia da Secretaria de Defesa Social e do Governo de que a imagem de Bruno a partir de agora vai ser preservada. Nas imagens Na gravação, Bruno afirma que vai processar o Estado. "Tá acabando o prazo deles. Eu acho que vou processar o Estado por tudo o que fizeram comigo. Eu perco de um lado e ganho de outro. Só que eu perdi mais que ganhei", disse.