SIGA O EM

Delegados ainda têm 11 dias para concluir inquérito, diz polícia

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
[]

postado em 26/07/2010 12:11 / atualizado em 26/07/2010 12:23

Priscila Robini /

Segundo a Polícia Civil, os delegados ainda têm 11 dias para concluir o inquérito do desaparecimento e possível homicídio de Eliza Samudio. A corporação explicou que durante os 30 dias de investigações o inquérito foi enviado à Justiça algumas vezes. Os dias em que a polícia não teve acesso ao documento não contam no prazo de encerramento. De acordo com os delegados, o inquérito pode ser entregue à Justiça até o dia 5 de agosto. No entanto, essa data ainda pode ser prorrogada.

A polícia explicou que as investigações sobre o desaparecimento de Eliza foram iniciadas no dia 26 de junho. Quando as apurações apontaram que Eliza realmente havia desaparecido, os delegados instauraram o inquérito. O documento, que já acumula 1,3 mil páginas deverá ser entregue à juíza Marixa Fabiane Lopes Rodrigues, do Tribunal do Júri de Contagem.

O inquérito era presidido pela delegada Alessandra Wilke, que recebia ajuda da delegada Ana Maria Santos, as duas da Delegacia de Homicídios de Contagem. Depois da divulgação de um vídeo de Bruno gravado no avião da corporação, as delegadas foram afastadas da presidência do inquérito, que foi ocupada pelo delegado-chefe do Departamento de Investigações, Edson Moreira.


Confira o especial caso Bruno
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
 
az
az - 27 de Julho às 02:17
ahahaha. essa eh boa . indícios de 7 processos de natureza diversas...
 
eduarda
eduarda - 26 de Julho às 17:03
Neuza estou orgulhosa em conhecer mais uma pessoa, humana, com o coraçao transbordando de amor.Que mesmo na dor, nao foi vil.Que usou um fato veridico da sua vida, para ter compaixao com o proximo. mais uma vez, parabens Neuza. O legal dos foruns, e conhecer historias de vida,um aprendizado
 
Neuza
Neuza - 26 de Julho às 16:35
Sem pressa, sem desespero, se ele fez esta tal crime, mais cedo ou mais tarde vai aparecer, mas condenar ele por indicios é ridiculo, e desumano, enates que alguem diga que ele nao foi humano respondo. Nao acredito em OLHO POR OLHO, nao justifica errar baseado no erro do outro.
 
Neuza
Neuza - 26 de Julho às 16:32
e neste caso do Bruno porque ele deveria ser condenado fora hora? Eu sei que poucos como eu acreditam que ele pode ser inocente, mas pelo menos tenham a sensatez de aguardar o final das investigacoes, e digo mais com estas provas que ai estao ELE DEVERIA SER SOLTO,E INVESTIGADO EM LIBERDADE
 
Neuza
Neuza - 26 de Julho às 16:30
Eduarda dor é eterna, o que faremos com ela é o que conta, e por isto venho todo dia nos fóruns falar sobre este assunto. Se no final desta historia pelo menos uma pessoa que esta cheio de sede de vingança, ou que fica espalhando mais ódio na internet tiver entendido o que digo já terá valido a pena.
 
eduarda
eduarda - 26 de Julho às 15:41
Parabens Neuza! Que historia triste, e mesmo assim vc nao se tornou amarga, e aprendeu a dar o direito da duvida ao proximo, sem condenar antecipadamente
 
Luis
Luis - 26 de Julho às 15:12
Espero que o Bruno arranque os tubos do Estado..
 
Neuza
Neuza - 26 de Julho às 15:09
a entender que so tem uma forma de minimizarmos tanta violencia e dor , alem da justica esta forma é a serenidade, a compaixao e o perdao. Srenidade de quem investiga, compaixao de quem acompanha o caso e perdao de quem esta sofrendo pela perda. Baseado em mnha experiencia posto aqui todo dia.
 
Neuza
Neuza - 26 de Julho às 15:07
entao nao estou aqui lancando palavras ao vento...estou falando de algo de uma dor que eu conheco, eu nuca soube quem e porque o matou, mas nem por isto quiz que um inocente fosse para a cadeia, e nem desejei que as pessoas que o mataram morresem da mesma forma. Pelo contrario desde entao passei
 
Neuza
Neuza - 26 de Julho às 15:06
Sr. Nilson falo com conhecimento de causa. Tive algo muito parecido em minha familia, meu irmao foi morto de forma muito violenta, preneram a esposa dele como a possivel mandante do crime...Mesmo com todas as evidencias fui contra a prisao dela, e decidi na ausencia de provas perdoar os assassinos
 
eduarda
eduarda - 26 de Julho às 15:00
Se na primeira pericia Dr. edson afirmou que nao tinha sangue, porque ele foi mandar fazer na 2 ? Estao querendo arranacar todo o dinheiro do estado.Estao brincando com o dinheiro publico
 
eduarda
eduarda - 26 de Julho às 14:59
Ola Nildo Arantes O que tem provado , infelizmente e a incompetencia, o despreparo da PC. Pegaram os caes dia 07 de julho e somente sexta feira passada que começaram a fazer exames. ero de quem? da policia! E o mesmo caso da pericia no colchao, se Dr. edson afirmou que na primeira nao tinha sange
 
eduarda
eduarda - 26 de Julho às 14:46
Neuza Claro que quero a JUSTIÇA sendo feita, o verdadeiro culpado pagando. Mas eu nao posso aceitar que na ansia, arrumem alguem para satisfazer a sede de vingança da populaçao e da policia.Nao vou compactuar com esta monstruosidade.
 
eduarda
eduarda - 26 de Julho às 14:45
Neuza E um absurdo, depois de tantas lutas para o estado democratico, em pleno 2010, as pessoas continuam acusando, sem provas, sem direito de defesa.Eu tenho medo desta situaçao, como sempre digo, e se manha eu for inocente, e me acusarem, me acuarem como tem feito com BRUNO?
 
Marcos
Marcos - 26 de Julho às 14:44
Se não conseguirem as provas da versão de assassinato ficará provado que foi tudo uma grande armação. Bruno ficará mais rico ainda com indenizações milionários contra o Estado pela prisão ilegal e a policia ficará totalmente desmoralizada.
 
Nildo
Nildo - 26 de Julho às 14:38
Srª.Neuza Silva, imagine a srª se esse rapaz fosse seu parente ou filho a srª não daria a questão da dúvida,condena sem conher os fatos ou a história e as evidências foram mal montadas,para julgar deve pensar no outro lado da história e porque não periciaram os cães?Querem condenar qualquer um.Pense?
 
Neuza
Neuza - 26 de Julho às 14:23
E isto nao é acusar delegados, é uma constatacao ta ai pra quem quiser ver. Tomara que a averdade realmente apareca porque a esta altura fica muito dificl para a propria policia mudar a versao se é que existe outra que nao do assassinato, estamos aqui no campo das hipoteses.
 
Neuza
Neuza - 26 de Julho às 14:21
e isto nao precisava ter acontecido. é natural que as pessoas clamem por justica e que pense o oposto da gente em relacao ao crime. O que nao é natural é esta raiva, e nisto infelismnete a gente que te admitir que houve precipitacao da policia em responder os anseios da imprensa e do povo.
 
Neuza
Neuza - 26 de Julho às 14:19
Pois é Eduarada, mas me asusta o odio que as pessoas estao dele. Qdo cita o nome dele na net, ou na rua as pessoas querem te bater e ficam agressivas, e detalhe: mesmo que voce diga que acha que se culpado deve pagar. O que se percebe é que nao existe desejo de justica e sim sede de vinganca
 
eduarda
eduarda - 26 de Julho às 14:09
Neuza O Ercio Quaresma acabou de dar uma entrevista, e citou o caso JOSE CLEVES, que foi vitima do Edson moreira, igual o Bruno tem sido. E quarta feira vai levar no DI, uma pessoa, que o delegado disse que estava morta.kkkkkE ela esta viva. Os erros do Dr Edson tem aparecido
 
Nildo
Nildo - 26 de Julho às 14:00
Falam em dá a carnes aos cachorros e a pericia não descobriu nada em um siples exame de sangue dos animais constariam enzimas humanas.É uma história mirabulosa espalhado pela mídia que nem chacais atrás da carniça no caso Bruno,fora os eleitores que se julgam juízes e condenam sem conhecer á verdade.
 
eduarda
eduarda - 26 de Julho às 13:58
Neuza A Eliza pode ate esta morta, mas jamais o crime aconteceu desta maneira.Nao existe esquartejamento, e dada para cachoro comer.
 
eduarda
eduarda - 26 de Julho às 13:54
Como bem disse o advogado criminalista Mario Filho ao fantastico, e uma inresponsabilidade tamanha, uma autoridade policial, afirmar algo que nao foi provado.E que mesmo Bruno sendo inocentado, vai estar condenado no imaginario popular.
 
eduarda
eduarda - 26 de Julho às 13:51
Neuza Ficou provado que as delegadas que estavam com o video, repassaram para alguem, e nao aconteceu nada. Como cobrar puniaçao para supostos envolvidos, sendo que a propria policia comete crimes de corrupçao no mesmo caso?
 
eduarda
eduarda - 26 de Julho às 13:50
Neuza Faltou as autoridades desde o começo, ter colocado freio em Edson Moreira. Deixaram ele fazer deste caso um circo de horores. E a 2 vez na historia de MG , que um delegado execra alguem, coincidente o mesmo, e culpa sem provas.
 
Willian
Willian - 26 de Julho às 13:49
Engraçado e que a Policia Meteu a mão no Cachorros que nada tinham haver com história, e os bichos agora estão todo morrendo, será queima de arquivo para a policia não se passar de ridicula, Kd o Ibama nessa história? Sair Matando cachorro agora pode?
 
Neuza
Neuza - 26 de Julho às 13:43
Porque ele esta sendo condenado de matar, desossar, concretar, dar alimento para os cães, enfim... Ele já foi declarado culpado, o que fazer se daqui a anos descobrirem que foi engano? Ou tenta amenizar este problema agora ou pode ser tarde demais. Amenizar pq resolver não da mais, o Brasil hoje já o
 
Nildo
Nildo - 26 de Julho às 13:41
A policia de MG está tão perdida quanto cegos em tiroteio,querem ter eficiencia condenando alguém famoso talvez condenando um inocente,ou seja o circo está armado e o delegado fazendo promoção pessoal.É o brasil da ineficiencia.
 
Neuza
Neuza - 26 de Julho às 13:40
Ainda no campo das hipóteses, se por ventura contra todas as evidencias este moco não tiver matado esta moca, o que fará o secretario de segurança publica? Porque do jeito que as coisas estão ele já esta condenado, e ai se mesmo que tudo deponha ao contrario tudo for diferente? Ou pelo menos uma part
 
Neuza
Neuza - 26 de Julho às 13:37
É o que se espera Adao, que ele faca o seu trabalho, só queria saber onde estava o secretario de seguranca quando os videos foram enviados a imprensa? E porque ele permitiu que os reus fossem considerados culpados em menos de dez dias de investigacao, com descrissao de como o fato se deu e tudo...
 
adão
adão - 26 de Julho às 13:00
A investição tem que ir até o final, os culpados precisam ser qualificados e tipificados, não tem inocente nessa história. Acima do Delegado existe o Sec de Seg, o diretor da PCMG, que são experts, se enxergarem abusos oportunamente entrarão em cena.
 
eduarda
eduarda - 26 de Julho às 12:27
Para que a policia quer prazo, e ja condenou as pessoas? E muita contradiçao!