SIGA O EM

Liminar pode impedir acareação entre suspeitos no caso Bruno

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
[]

postado em 18/07/2010 19:47 / atualizado em 18/07/2010 20:04

Além da orientação expressa para que seus clientes permaneçam em silêncio e só deponham em juízo, os advogados que defendem os suspeitos de envolvimento no sumiço e suposto homicídio da modelo Eliza Samudio, de 25 anos, ex-amante do goleiro Bruno Fernandes, de 25, lançam mão de uma série de recursos jurídicos que podem prejudicar ou até mesmo inviabilizar as investigações policiais.

A mais recente iniciativa neste sentido é do advogado Zanone Manoel de Oliveira Júnior, defensor do ex-policial civil Marcos Aparecido dos Santos, de 47 anos, conhecido como “Bola” – preso como suspeito de estrangular, esquartejar e ocultar o corpo de Eliza – que entrou com mandado de segurança no Tribunal de Justiça de Minas Gerais, com pedido de liminar, para impedir seu cliente de participar de qualquer acareação com outros investigados, bem como a reconstituição do crime ou análise de comparação genética. A expectativa do advogado é que a liminar, para antecipação da decisão, seja julgada ainda nesta segunda.

O mandado de segurança impetrado pelo defensor de “Bola” é mais um capítulo na estratégia que os advogados estão adotando desde o início das investigações, no fim de junho. Como a polícia ainda não encontrou os restos mortais de Eliza Samudio, a principal prova da culpabilidade de Bruno e dos demais suspeitos, os criminalistas procuram dificultar ao máximo a obtenção de outros elementos que comprovem a autoria dos crimes que estão sendo investigados.

Com a orientação para que os investigados permaneçam em silêncio, a defesa impede que a polícia levante contradições nos depoimentos e descubra quem fez o que. O advogado Ércio Quaresma, que coordena o trabalho dos defensores, tem sido rigoroso nessa orientação e já afirmou que quem falar alguma coisa terá de procurar outro advogado.

Agora, o pedido de Zanone para impedir a acareação, a reconstituição do crime ou a coleta de material para exame de DNA de seu cliente, medida que deve ser adotada pelos outros defensores, aumenta as dificuldades do trabalho policial, como o Estado de Minas já havia informado no sábado. O objetivo é impedir a produção de provas científicas que possam incriminar os suspeitos.

Edson Moreira
Zanone conta que entrou com mandado de segurança contra o chefe do Departamento de Investigações (DI), delegado Edson Moreira, para que a mesma juíza que decretou o mandado de prisão garanta a Marcos Aparecido o direito de permanecer calado. “A toda hora, o delegado tira o meu cliente do presídio para levá-lo à delegacia ou fazer uma diligência. Meu cliente já falou que não quer colaborar com nada e que não vai falar nada e não vai participar de nada”, disse o advogado. “O ônus de prova é da polícia, da acusação e do Ministério Público e eles que façam as suas provas. Esse negócio de ficar tirando o meu cliente para lá e para cá já está configurando abuso de autoridade”, reforçou.

O delegado Edson Moreira, bem como os outros delegados que cuidam das investigações, foi procurado pelo EM para comentar as acusações feitas pelo advogado de defesa de “Bola”, mas nenhum dos policiais retornou as ligações do jornal. Mas até o fim da semana os investigadores se mostravam tranquilos. Na coletiva de sexta-feira, Edson Moreira afirmou que havia provas robustas do envolvimento do goleiro Bruno e de todos os outros detidos no sequestro e morte de Eliza Samudio. Para os policiais não há mais dúvidas de que a ex-amante do jogador foi morta e de quem foi responsável pelo crime.

Exames
Dos nove investigados, o único disposto a contribuir com a polícia é Sérgio Rosa Sales. Segundo o seu advogado Marco Antônio Siqueira, o preso aguarda possíveis acareações, novos depoimentos ou levantamentos de locais que, porventura, sejam solicitados pela polícia. Nesta segunda, o defensor vai pedir à autoridade policial que submeta seu cliente a exame toxicológico, para provar que ele não faz uso de qualquer tipo de droga e tem boa conduta. “Sérgio também está à disposição para qualquer outro tipo de exame”, disse o advogado, que vai aguardar a publicação da negativa de relaxamento de prisão para refazer o pedido à própria juíza que julgou o pedido, Marixa Fabiane. “Quero conhecer melhor as justificativas da juíza para manter o meu cliente preso”, disse Siqueira.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
 
Neuza
Neuza - 19 de Julho às 12:18
ataques e nem quem quer que seja vai me fazer abaixar a cabeça. Nao deturpo imagem de policiia, juizes e nem mesmo do senhor,mas acredito na serenidade nos julgamentos. Agora tenho uma reuniao de trabalho na volta falo mais. o SENHOR NAO TEM O DIREITO DE FALAR DA FORMA QUE FALA, mas e dai ne?
 
Neuza
Neuza - 19 de Julho às 12:16
Calma no julgamento, paciencia nas conclusoes. Quem leu meus comentarios viram que jamais defendi assassinato ou violencia. Defendi sim Julgamento justo. Lei feita como deve ser e discordei do linxamento que faziam e faz nesta pagina antes que provado fosse. E quanto a isto nem o senhor com seus
 
Neuza
Neuza - 19 de Julho às 12:14
Um homem que se acha no direito de jullgar e condenar sem o menos escrúpulo, sem a menor causa. Tirou o foco do Bruno e colocou em min, me julgou e condenou e como ja disse sem ter nocao com quem estava falando. O senhor imaginou e por estas imaginacoes que chegam a julgamentos que sempre pedi aqui
 
Neuza
Neuza - 19 de Julho às 12:12
Ja que fez juizo valorativo sobre min, me deu o direito de responder, so digo aso internautas que estou forum frequenta e que respeito tem pelas opinioes alheias e que mantem a decencia e a oredm mesmo quando atacam, que olhem seu exemplo.
 
Neuza
Neuza - 19 de Julho às 12:11
Jamais agredi sua integridade moral, ou de quem quer que seja aqui neste forum, se te chamei de mal humorado e pedi que desse atencao a sua mulher caso fosse ela uma mulher bem resolvida foi so em resposta as suas grosseria e total incapacidade de manter um debate decente e saudavel.
 
Neuza
Neuza - 19 de Julho às 12:09
Vou reiterar isto, so por eu pensar diferente...Em menos de duma semana, sem siquer saber quem eu era me formou em uma faculdade, me empreogu no escritorio que defendeo Bruno, me fez amante dele, cacadora de jogadores, e me de apelidos de corja e mal carater...E ainda quer falar de decencia?
 
Neuza
Neuza - 19 de Julho às 11:59
Desculpe-me pela palavra ridicula.Em menos de de uma semana, me deu uma faculdade, um emprego e conheceu meu carater e conduta...
 
Neuza
Neuza - 19 de Julho às 11:57
Eh senhor Mardos o senhor é a prova viva do quanto o ser hmano pode ser ridiculo eu seus julgamentos. Nao tem nocao do meu trabalho, da minha vida, de nada que me cerca. Fromou uma opiniao ao meu respeito, me deu um profissao, me empregou e comecou a atirar. E É jtsmanente disto que estou falando
 
mardos
mardos - 19 de Julho às 11:54
Neuzinha tenho a felicidade de ter ao meu lado uma grande e magnífica companheira, habilidosa e capacitada, digna de ser chamada de mulher, de amiga, uma fêmea q faz parte do universo feminino q repudia atos de agressividade contra as mulheres, não uma mulher como vc e sua corja, se é q vcs podem ser
 
mardos
mardos - 19 de Julho às 11:43
Neuzinha, quero esclarecer q o fato de colar as mensagem do dia anterior é porque tenho um só objetivo que é deixar claro para os leitores deste fórum a intenção contraproducente de vcs contratadas do grupo do goleiro Bruno para formarem opinião favorável para este crápula e seus associados, opiniões
 
JAIR
JAIR - 19 de Julho às 09:28
ATENCAO INTERNAUTAS, VOCES ESTAO PREOCUPADOS COM ESSA ADRIANA , BOBEIRA, TEVE SER O DR. ERCIO QUARESMA TROCANDO DE NOME , AO INVES DE SE DEBRUCAR NOS AUTOS, FICA AQUI QUESTIONANDO,,,POREM ESSA ADRIANA NAO CONHECE DE LEIS . AI FUDEU TUDO , NAO SABE DE NADA ,A SOLUCAO PARA BRUNO E TROCAR DE ADVOGADO
 
Marcos
Marcos - 19 de Julho às 09:27
Advogados de verdade, estaria tentando provar a inosencia dos seus cliente e nao conturbando as investigacoes voces nao achao? Pergunto aos advogados e estagiarios de plantao, nao poderiamos prender os advogados por atrapalharem as investigacoes?
 
JAIR
JAIR - 19 de Julho às 09:17
ei adriana cunha , voce e fraquinha igual aos advogados do Bruno , e voce esta se roendo de odio de saber que a Policia esta chegando ao fim, JURI POPULAR. alem do mais Bruno apos tantas orgias e drogas, agora nao tem dinheiro nem para pagar um advogado melhor, ki pena , arruma um defensor melhor
 
Marcus
Marcus - 19 de Julho às 06:55
Acharam a Djanira. Só falta o Juvenal. Ricardo Eletro Continhua Liquidando. Cruzeiro1x0Goias. AtleticoMG0x1Corinthians. Dia 08 de agosto meia maratona da pampulha
 
dailton
dailton - 19 de Julho às 04:32
Se a polícia não acha provas contra o bando, por sua vez o bando não mostrou nenhum álibi que pudesse plantar qualquer tipo de dúvida neste caso. Quem sabe as donas Adriana, Neuza ou Eduarda não faziam parte do time que a finada fazia parte e não estam suportanto verem seu gigolô na cadeia.
 
dailton
dailton - 19 de Julho às 04:30
Senhor Marco Rocha concordo quando o senhor diz que se dá muita atenção a este caso. Também acho que deveria haver mais sigilo. Agora denegrir a polícia por isto já é um pouco demais visto que o próprio advogado de defesa não sai da mídia.
 
dailton
dailton - 19 de Julho às 04:25
a acareação será feita através de mímica já que o ilustre advogado não quer que ninguém fale. isto é Brasil.
 
Marco
Marco - 19 de Julho às 02:30
Última coisa, pq esse caso tem tantas pessoas, delegados e policiais, envolvidos? so tem esse crime em Contagem? Os outros crimes, que envolvem pessoas pobres ficam esquecidos? Querem resolver ou aparecer? Pq divulgam tudo do inquerito, se uma das qualidades dele é ser sigiloso? tudo ta mto estranho.
 
Marco
Marco - 19 de Julho às 02:25
Agora uma coisa temos de concordar no Brasil condenar alguem é muito dificil, as leis impossibilitam a acusação de fazer diversas provas cabais.
 
Marco
Marco - 19 de Julho às 02:23
Galera em casos com este que temos de ter mais cuidado que o normal. Temos de ser cautelosos. Muita gente não sabe mas no Processo Penal quem tem de provar tudo é a acusação, por isso os advogados pedem silencio aos réus, não querem eles morrendo pela boca.
 
Wania
Wania - 19 de Julho às 01:11
Nada pessoal, mas é desagradavel ver sua insistencia em denegrir o trabalho da Policia Civil e apoiar os suspeitos. Se Bruno e seus seguidores forem inocentados, vai ser comum bandido matar e sumir com o corpo para não ser incriminado. O caso Bruno vai ser didático ( e dramatico)para a criminalidade
 
Wania
Wania - 19 de Julho às 01:05
Cara Adriana, Acabei de ler comentarios que voce escreveu em outro site de jornal online. Impossivel não comentar aqui o mesmo que disse lá: suas observações são tendenciosas. Demonstram rancor com o Dr Edson Moreira e um apoio incondicional ao Dr Quaresma e aos envolvidos que ele defende.
 
Wania
Wania - 19 de Julho às 00:59
teste
 
JAIR
JAIR - 19 de Julho às 00:49
NAO SEI O PQ BRUNO E SUA CORJA NAO CONTRATA UM DEFENSOR BOM, ESSE QUARESMA E ADVOGADO MUITO FRAQUINHO E ESTA TENTANDO DESMORALIZAR O TRABALHO DA POLICIA , ELE DIZ QUE POE A MAO NO FOGO A FAVOR DE VOLA ,. VEJA O NIVEL DESSE ADVOGADO , QUE NEM SEQUER TEM DOUTORADO E E CHAMADO DE DOUTOR. RSRSRRSRSRSR
 
JAIR
JAIR - 19 de Julho às 00:47
SO SEI QEU O DR. ERCIO QUARESMA ESTA PERDIDO, ELE FALA DE QUE A POLICIA QUER APARECER , MAS ELE E QUEM QUER. SE FOSSE BRUNO BUSCAVA OUTRO ADVOGADO. O SILENCIO E SIGNIFACADO DE CULPA. BRUNO DEVERIA ACHAR O ADVOGADO, QUE NAO SABE NEM FALAR , E E UM PROBRE DEFENSOR DE CRIMINOSOS. QUARESMA VOCE JA ERA.
 
Neuza
Neuza - 19 de Julho às 00:28
Boa noite Adriana, parabéns pela convicção, assim como eu não abre Mao do que acredita,sabemos que não é fácil ser hostilizada, mas vamos em frente. Concordamos em varias coisa e um ponto temos em comum: Queremos um julgamento correto e uma condenação ou absolvição justa. Eu não vou desistir
 
Neuza
Neuza - 19 de Julho às 00:27
E sei que você também não, ainda que eu tenha que explicar a minha posição até o ultimo dia neste fórum, embora esteja certa que 99% das pessoas que me contestam sabem exatamente o que estou defendendo, so querem fazer parede, por comodidade ou pela falta dela .
 
samuel
samuel - 19 de Julho às 00:14
Se o Brasil fosse um país sério, num caso como esse tudo seria a favor da policia, principalmente quando os suspeitos, orientados por advogados de porta de cadeia, negam fazer tudo que a policia solicita. Mais um caso que o crime sairá vitorioso. Escrevam!
 
Neuza
Neuza - 18 de Julho às 23:38
escrever algo diferente, cola o de dias anteriores...tsc...tsc...tsc...Vai crescer o mal educado, e mal dotado psicologicamente!
 
Neuza
Neuza - 18 de Julho às 23:36
Oi Mardos bom carater, cheguei agora de um compromisso e aqui estava vc falando de mn. Ja te disse eim? Arruma uma mmulher bem resolvida, ou se tem uma de atencao a ela pode te ajudar com este mal humor crônico, e esta inteligencia digamos assim... Pouco desenvolvida. O pior de tudo e que consegue
 
Adriana
Adriana - 18 de Julho às 23:30
a globo acabou ajudando bruno sem saber...esta entrevista foi feita quando ele foi preso,e ali ele relatou que macarrao resolvia tudo,ficava com cartoes de banco...e o delegado disse ontem que tinha uma prova,forte,pagamento do motel no nome do bruno
 
Adriana
Adriana - 18 de Julho às 22:56
Áureo Gaudêncio viu como sou chic ?rsrs sou assinante de varios jornais do brasil, leio muito bons livros,estou sempre a procura do conhecimento...nao me contento com jornal de 50 centavos como vc..faça o mesmo ,ai vc aprenderar a debater
 
mardos
mardos - 18 de Julho às 22:48
E falando em rizzo ele ja mudou De uberlandia agora esta em Limeiras SP dono do anglo de la , vendeu o anglo de uberlandia, tinha se mudado pra bahia esperou as coisas esfriarem, foi pra Limeiras SP e montou uma escola lá no centro proximo a prefeitura JOSE DE JESUS RIZZO, e ainda trocou de mulher
 
mardos
mardos - 18 de Julho às 22:43
Adriana cunha e essa Neuza num sei das quantas, são duas estagiarias de direito contratadas pelo grupo do Bruno para serem formadoras de opiniões na net, duas lambe chuteiras sem caráter capazes de venderem a própria,alma ao diabo, gentalha.
 
gladyston
gladyston - 18 de Julho às 22:34
CAMPANHA: "CALA ADRIANA CUNHA" QUER APARECER, OU SUMIR, VAI SER MARIA CHUTEIRA!!
 
Áureo
Áureo - 18 de Julho às 22:22
Olhem o perfil dela aqui também : http://comentarios.folha.com.br/perfil?user=40889&skin=folhaonline
 
Marcos
Marcos - 18 de Julho às 22:20
Olha adriana vc q sabe bastante de direitos dos envolvidos. Me diga onde fica os direitos da Eliza?
 
Marcos
Marcos - 18 de Julho às 22:16
Adriana minha querida, como te falei anteriomente voce e os advogados do bando estao cometendo o mesmo erro. Estao tentando provar q a policia esta errada, mas nao prova a inosencia dos acusados ou melhor vc diz q a policia o delegado nao presta, mas nao produz nenuma evidencia da inosencia de Bruno
 
Gilson
Gilson - 18 de Julho às 22:12
Ridícula essa estagiária de direito!!!!!
 
Jaime
Jaime - 18 de Julho às 22:04
A orientacao desses advogados so deixa uma unica resposta: O codigo penal brasileiro proteje muito o criminoso, e deixa as familias das vitimas sem respostas para crimes tao barbaros. Existem provas suficientes, as de sangue, nos carros que sao da Eliza, o depoimento do menor, e o sumico de Eliza.
 
FRANCISCO
FRANCISCO - 18 de Julho às 21:57
isso que esta adriana esta falando e balela no codigo penal este codigo e de 1940 esta fora de moda a muito tempo para comecar deixe os presos livres e estipule uma fianca a cada um de no minimo de 4 milhoes de reais els nao tem dinheiro e so isso se tem dinheiro deve ficar nos cofres do go pois
 
FRANCISCO
FRANCISCO - 18 de Julho às 21:43
esse advogado esta cerceando a justica de trabalhar ou seja ele esta empedindo o trabalho da justica prende ele tb com prisao preventina pois ele esta fazendo o mesmo papel que os presos estavam fazendo impedindo a justica de procurar os culpados cadeia nele tb
 
Adriana
Adriana - 18 de Julho às 21:36
que palhaçada e esta da policia mineira, no aviao da policia,deixar reporteres gravarem?que policia e esta que nao sabem trabalhar,e quer holofotes
 
Áureo
Áureo - 18 de Julho às 21:36
Essa Adriana é estagiária de advogado de porta de cadeia.Fica o dia todo tentando convencer o inconvencível.Essa quadrilha matou a GP e escondeu bem escondido.Se fosse na época o Zé Resende , no pau de arara já tinham confessado.Mas hoje , vagabundo tem todo o direito...
 
Adriana
Adriana - 18 de Julho às 21:29
Lázaro Damaceno 4. o menor disse que macarrao que o chamou para dar um susto,emomento nenhum ele atribuiu culpa ao bruno 5.cleves sempre disse que era inocente,o mesmo delegado o culpou,e na justiça provou sua inocencia,o delegado errou feio,e nos vamos ter que indenizar cleves,por erro da PC
 
Lázaro
Lázaro - 18 de Julho às 21:28
ESSE CASO DO SUMISSO DA ELIZA VAI DEIXAR MUITA GENTE DOIDA.
 
Adriana
Adriana - 18 de Julho às 21:24
Lázaro Damaceno eu nao acredito depoimento do menor,mas o delegado sim. 1 de acordo co o menor,foi ele e macarrao. 2.ela saiu com menor e macarrao 3 menor disse que foi para casa do bruno,mas ele estava na concentraçao. 4. o menor disse que macarrao que o chamou,emomento nenhum ele atriu
 
ariani
ariani - 18 de Julho às 21:21
ESTÃO BRINCANDO COM A NOSSA INTELIGÊNCIA...VIROU BRINCADEIRA, VIROU NOVELA?
 
Adriana
Adriana - 18 de Julho às 21:18
http://g1.globo.com/brasil/noticia/2010/07/bruno-fala-sobre-desaparecimento-de-eliza-em-voo-do-rio-para-mg.html Bruno fala sobre desaparecimento de Eliza em voo do Rio para MG Fantástico teve acesso a vídeo da transferência de Bruno após prisão. Na gravação, goleiro se diz chocado com o amigo Macarr
 
Lázaro
Lázaro - 18 de Julho às 21:07
QUEM DEU SUMISSO NA ELIZA? ELA SAIU COM QUEM DO RIO DE JANEIRO? ELA FOI PARA CASA DE QUEM? ELA DEIXOU A CRIANÇA COM QUEM? QUAL O INTERESSE DE UM PARENTE COMPROMETER O OUTRO QUE O AJUDA FINANCEIRAM,ENTE? E POR ULTIMO ALEXANDRE NARDONI E SUA ESPOSA ANNA TAMBEM NÃO ASSUMIRAM NENHUMA CULPA NO ASSASSINATO
 
Adriana
Adriana - 18 de Julho às 21:04
o que também se aplica %u2013 por equidade - a pessoas ilustres, famosas, populares ou que detenham poder econômico. A prisão antes de uma sentença condenatória definitiva, portanto, deve ser aplicada com parcimônia. Somente quando estiver presente a justa causa. Caso contrário, ao se banalizar as
 
Adriana
Adriana - 18 de Julho às 21:04
Diante disso, a sociedade brasileira precisa estar vigilante e exigir o cumprimento da lei para que esta seja aplicada no país de forma indistinta, subtendo todos aos seus ditames. Não se pode admitir que o mais humilde dos brasileiros possa ter contra si uma prisão processual decretada em vista da s
 
Adriana
Adriana - 18 de Julho às 21:03
Igualmente, a jurisprudência de vários países com tradição democrática contempla o instituto da presunção de inocência, a garantir que o imputado não receba punição antes da sentença final.
 
Adriana
Adriana - 18 de Julho às 21:03
Até mesmo a Declaração Universal dos Direitos Humanos, da Organização das Nações Unidas, em seu Art. XI, assevera que %u201C todo ser humano acusado de ato delituoso tem o direito de ser presumido inocente até que a sua culpabilidade tenha sido provada de acordo com a lei%u201D.
 
Adriana
Adriana - 18 de Julho às 21:02
E, somente, durante o tempo em que esse interesse estiver presente. Cessadas as condições que, eventualmente, autorizaram a prisão processual, a regra deve prevalecer, porque a liberdade individual é o bem maior garantido constitucionalmente.
 
Adriana
Adriana - 18 de Julho às 21:02
Esta é uma regra garantidora do Estado Democrático de Direito, ensejando %u2013 por conseguinte %u2013 também como regra que o acusado responda seu processo em liberdade. Comporta exceção prevista em lei, pela qual o acusado, eventualmente, poderá ser preso por conta, exclusivamente, de um interesse
 
Adriana
Adriana - 18 de Julho às 21:02
Ou seja, ninguém pode ser considerado culpado antes da sentença final, que advirá após lhe ser garantida a ampla defesa e o contraditório, dentro do devido processo legal. O Art. 5, inciso LVII da CF, é muito claro: %u201CNinguém será considerado culpado até o trânsito em julgado da sentença penal co
 
Adriana
Adriana - 18 de Julho às 21:02
Publicado no Jornal " O Estado de S. Paulo", de 01/06/07 O princípio da presunção de inocência está entre as principais garantias constitucionais do cidadão brasileiro, ao estabelecer que todo e qualquer acusado deve ser considerado inocente até a decisão final, contra a qual não caiba mais recurso,
 
alexandre
alexandre - 18 de Julho às 20:56
ADRIANA , SINCERAMENTE , VOCE ESTA PASSANDO POR RIDICULA!
 
Adriana
Adriana - 18 de Julho às 20:41
De a muito já deveriam afastar esse delegado; ele não quer q a verdadeira história venha a tona; talvez tenha peixe muito grande metido nesta sordidez. O delegado tem uma vida pregressa digna dos q estão presos. Infelizmente isso é o Brasil; manda é quem tem dinheiro e poder.
 
Gilson
Gilson - 18 de Julho às 20:40
Essa mulher tá querendo aparecer!!! Ou é parceira desses advogados de porta de cadeia.
 
rogerio
rogerio - 18 de Julho às 20:40
jose de jesus rizzo matou 2 pessoas com requintes de crueldade, oculto os corpos,e isto foi deletado. o tjmg CONCEDEU LIMINAR e ele nao ficou 1 dia preso. o processo nao é movimentado desde novembro de 2008. detalhe, é milionario, tal como bruno.
 
jose
jose - 18 de Julho às 20:38
adriana, acho que vc tem interresse no caso, creio que se a elisa fosse parente sua vc nao tava defendendo assassinos como esta.bandido tem de cair no cacete, nos anos 70 nao tinha esse tanto de bandido que estamos vendo hoje.hoje bandido ta cheio de leis para defendelos, e o cidadao nao vale nada.
 
Adriana
Adriana - 18 de Julho às 20:38
Bruno Araújo nada...nao me vendo..tenho inteligencia suficiente,para nao ser corrompida pela midia,ou degado em fim de carreira..saia um pouquinho do disse e me disse,vai ler,entender sobre leis,ai vc estara preparado para um debate,com razao,deixando de lado a emoçao.
 
Gabriel
Gabriel - 18 de Julho às 20:34
Adriana Cunha... você é uma marqueteira nata, porquê você não deixa tel e endereço do seu escritório ou então leva esta estas "ovelhas" bola, macarrão e cia para sua casa ? se você conhecesse este tal de bola, creio que você mudaria seu ponto de vista.
 
Bruno
Bruno - 18 de Julho às 20:21
quanto voce esta ganhando?
 
Adriana
Adriana - 18 de Julho às 20:03
Eu acompanei o caso cleves em 2000 e 2001,vejo DR EDSON cometendo os mesmos erros,maus tratos. Dr. Edson tem que saber que ele e delegado,e nao juiz
 
Adriana
Adriana - 18 de Julho às 20:01
http://noticias.r7.com/rio-e-cidades/noticias/advogado-diz-que-suspeitos-do-caso-elisa-sofrem-maus-tratos-20100718.html Advogado afirma que suspeitos do caso Eliza sofrem maus-tratos Polícia Civil disse que vai responder acusações na segunda-feira
 
Adriana
Adriana - 18 de Julho às 20:00
a lei foi feita para todos,assim como o delegado Edson moreira responde a 3 inqueritos, e foi na justiça trancar 2, e direito tb dos supostos envolvidos no caso eliza.