SIGA O EM

Mulher do goleiro Bruno presta novo depoimento

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 16/07/2010 09:27 / atualizado em 16/07/2010 20:07

Rangel Faula /TV Alterosa , Priscila Robini /

Marcelo Sant'Anna/EM/D.A Press
A polícia mineira continua colhendo informações que possam esclarecer as circunstâncias do desaparecimento e morte da modelo Eliza Samudio. Na manhã desta sexta-feira, a mulher do goleiro Bruno, Dayanne Rodrigues do Carmo Souza, suspeita de participação no crime, começou a ser ouvida pelo delegado chefe do Departamento de Investigações (DI), Edson Moreira.


Segundo as investigações, ela teria entregado o filho de Eliza para um casal esconder a criança e pode ser indiciada por subtração de incapaz.

A delegada Alessandra Wilke, da Delegacia de Homicídios de Contagem, informou que não deve haver acareação entre a mulher do atleta e os outros suspeitos do crime.

Ainda de acordo com a delegada, o adolescente que confessou participação no crime deve ser levado até o sítio de Bruno, em Ribeirão das Neves, nos próximos dias.

Não estão previstas novas buscas para esta sexta e a assessoria da polícia informou que outros suspeitos devem prestar depoimentos ao longo do dia.

O adolescente prestou depoimento no Centro de Internação Provisória (Ceip) do Horto, Região Leste de Belo Horizonte, na quinta-feira. Segundo a delegada o menor não forneceu novas informações.