17°/ 29°
Belo Horizonte,
25/OUT/2014
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Foliões "descobrem" carnaval de Grão Mogol Pavimentação de trecho da estrada que liga a cidade à BR-251 e melhoria nas condições de hospedagem atraíram pessoas de várias cidades do Norte de Minas e outras regiões do estado

Luiz Ribeiro

Publicação: 20/02/2012 10:43 Atualização:

Na cidade, além da folia, os visitantes aproveitam os atrativos naturais, como a praia de areia branca do Rio Itacambiraçu. O casario colonial, feito de pedra, também é uma atração à parte (Marina Froes/Divulgação)
Na cidade, além da folia, os visitantes aproveitam os atrativos naturais, como a praia de areia branca do Rio Itacambiraçu. O casario colonial, feito de pedra, também é uma atração à parte


Grão Mogol, cidade histórica a 590 quilômetros de Belo Horizonte, no Norte de Minas, foi invadida por uma verdadeira multidão neste carnaval, atraindo gente de diversas localidades. Sábado à noite, um público estimado em mais de 15 mil pessoas, de acordo com os organizadores, curtiu a folia em Grão Mogol, com animação das bandas Batukerê e Maracutaia. No domingo, a festa teve sequência, comandada pelas bandas Seu Stilinga e Arerê. Nesta segunda-feira, o destaque da festa na cidade será o tradicional Bloco das Virgens.

Uma das cidades mais antigas do interior de Minas, que foi centro de exploração de diamantes nos séculos XVIII e XIX, Grão Mogol sempre teve um carnaval animado. Na cidade, além da folia, os visitantes aproveitam os atrativos naturais, como a praia de areia branca do Rio Itacambiraçu. O casario colonial, feito de pedra, também é uma atração à parte.

Com todas essas atrações, a cidade não atraía tanta gente durante o carnaval por causa das dificuldades do acesso. Pois, a estrada que liga Grão Mogol até o entroncamento com a BR-251 (53 quilometros) era de terra. Há dois anos, foi concluída a pavimentação asfáltica do acesso ao município. As condições de hospedagem também melhoraram. Desta forma, foliões de diferentes cidades do Norte de Minas e outras regiões do estado “descobriram” o município histórico, onde alegria e curtição da natureza combinam muito bem.

Neste ano, além do palco principal, na praça Beira Rio, onde as bandas se apresentam à noite, a prefeitura montou um segundo palco, na Praça Coronel Janjão, onde durante o dia, acontecem shows de pagode, bandas de marchinhas e som mecânico (Marina Froes/Divulgação)
Neste ano, além do palco principal, na praça Beira Rio, onde as bandas se apresentam à noite, a prefeitura montou um segundo palco, na Praça Coronel Janjão, onde durante o dia, acontecem shows de pagode, bandas de marchinhas e som mecânico


Puxado pelo “jegue elétrico” (um jumento, carregando uma caixa de som), o Bloco das Virgens sairá às 16h, percorrendo o centro histórico de Grão Mogol. Criado há mais de 20 anos, é formado por homens que se vestem de mulheres e mulheres que se vestem de homens, com muita irreverência.

Na noite desta segunda-feira, as bandas Capitão Axé e Seu Stilinga prometem agitar os foliões até a madrugada. Na terça-feira, o comando da festa ficará por conta da banda Trem do Samba.

Neste ano, além do palco principal, na praça Beira Rio, onde as bandas se apresentam à noite, a prefeitura montou um segundo palco, na Praça Coronel Janjão, onde durante o dia, acontecem shows de pagode, bandas de marchinhas e som mecânico. Assim, o carnaval de Grão Mogol não para. Aliás, promete parar, mas só madrugada de Quarta-Feira de Cinzas.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história efaça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.