14°/ 26°
Belo Horizonte,
23/SET/2014
  • (19) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Número de servidores cai e de cargos comissionados cresce nos estados, diz IBGE Em apenas um ano, entre 2012 e 2013, 28 novos cargos em comissão estaduais foram criados por dia, em média, somando 10.386 servidores empregados sem concurso

Estado de Minas

Publicação: 13/03/2014 10:11 Atualização: 13/03/2014 10:39

O número de servidores estatutários e regidos pela Consolidação das Leis Trabalhistas nas administrações estaduais caiu em 2013, na comparação com 2012, enquanto o de profissionais sem vínculo permanente e comissionados aumentou, divulgou nesta quinta-feira o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, na Pesquisa de Informações Básicas Estaduais - Perfil dos Estados Brasileiros 2013 (Estadic).


O total de servidores estaduais nas administrações direta e indireta ficou 0,3% menor em 2013, o que equivale a 8.324 pessoas a menos. Os servidores regidos pela CLT foram os que tiveram a maior diminuição, de 17,1%, enquanto os estatutários caíram 1,7%. Por outro lado, o conjunto de funcionários sem vínculo permanente, que prestou concurso por tempo determinado, subiu 13,6% e o grupo dos somente comissionados avançou 9,9%, de 2012 para 2013. Em apenas um ano, 28 novos cargos em comissão estaduais foram criados por dia, em média, somando 10.386 servidores empregados sem concurso. O número de servidores estaduais em cargos comissionados umentou de 105,2 mil em 2012 para 115,6 mil no ano seguinte.

As variações, no entanto, foram distintas nas administrações direta e indireta. Enquanto na direta houve aumento em todos os tipos de vínculo empregatício do servidor, na indireta só os comissionados cresceram em quantidade. Na administração direta, o incremento de estagiários chegou a 45,3%, enquanto na indireta a alta dos comissionados foi 3,9%.

A administração direta inclui apenas as secretarias estaduais, enquanto a indireta engloba autarquias, empresas públicas, sociedades de economia mista, fundações públicas, fundos e órgãos de regime especial. A administração indireta teve quedas expressivas em todas as outras categorias: 29,7% nos estatutários, 19,4% nos celetistas, 27,7% nos estagiários e 0,2% nos sem vínculo permanente.

As administrações estaduais somaram, em 2013, 3.120.599 servidores, o equivalente a 1,6% da população nacional. A unidade da federação em que esse percentual é mais alto é o Distrito Federal, onde atinge 5,2%, seguido pelo Acre (4,7%), Amapá (4,2%) e por Tocantins (3,6%). O menor percentual foi registrado na Bahia (0,8%).

A administração direta tem 2,7 milhões de servidores, enquanto a indireta soma 389 mil. O total de servidores estatutários nas duas administrações é o mais alto e alcança 2,4 milhões, seguido pelos servidores sem vínculo permanente (475 mil). Os celetistas somam 133 mil, os comissionados, 115 mil, e os estagiários, 33 mil.

 

Com Agências

Tags:

Esta matéria tem: (19) comentários

Autor: José Crítico
Retrocesso | Denuncie |

Autor: Fabrício Castro
Sabem porque servidor público é pedra no sapato? Por que respondem civil, criminal e administrativamente pelo seus atos. Então, não acatam ordens superiores quando estas são ilegais ou imorais. São questionadores e são oprimidos. Todos tem data base de aumento, servidor público não. Por isso, greve. | Denuncie |

Autor: Antônio Antônio Macedo Filho
Essa turma PSDBista já endividou o estado em 80 bilhões de dólares!!! Querem isso a nível nacional? Votem no eterno playboy mineiro para presidência. | Denuncie |

Autor: Fabrício Castro
Tem 3.012 concursados aprovados para Assistente Administrativo em 2010 (vence em Agosto de 2014) para assumerem seus cargos públicos na PBH e a prefeitura quer terceirizar tudo. O BH Resolve não recebe servidores conforme demanda. Qual objetivo heim? Criar situação emergencial e terceirização. Fato! | Denuncie |

Autor: Fabrício Castro
Teo Fernandes. Os cofres públicos não são abastecidos com dinheiro dos impostos que você também paga? Enfim! Esse é o Brasil e seus brasileiros. É isso mesmo! Servidor Público questiona legalidade, comissionados executam, mesmo sabendo que é irregular ou ilegal. O país é o retrato do seu povo. | Denuncie |

Autor: Antonio
Para novos policiais civis, para novos leitos hospitalares, para novos juízes e promotores, para novas varas judiciais, não há dinheiro. Para essa canalhada essa pouca vergonha, o dinheiro aparece. Para os OTÁRIOS: Concurso, para as amiguinhas e amiguinhos: canetada. SAFADOS !!! | Denuncie |

Autor: Daniel Chaves
É simples explicar. os concursados podem escolher: trabalhar ou não trabalhar. Já o comissionado tem que mostrar serviço, independente de questionar ordens superiores. A solução é acabar com estabilidade de quem não gosta de trabalhar, mesmo que seja concursado! | Denuncie |

Autor: Giuliano Furtado
Cadê o Ministério Público? Alguém tem que dar um basta nessa farra com o dinheiro público. Cargos na administração pública direta e indireta deve ser apenas por concurso público e provas ou provas e títulos. Isso tem que ser a regra. Estão invertendo todos os valores... VERGONHOSO!!! | Denuncie |

Autor: WENDEL LOPES
comissionados avançou 9,9%, de 2012 para 2013... impressionante como o tal do Q.I não acaba. Tinha que nomear os concursados e mandar embora este monte de Asponer que não pretam um serviço público de qualidade!! | Denuncie |

Autor: Soares Soares
Sr. Fabricio Castro: tb acompanho este concurso de Ass Adm. Para ser exato foram 1.316 nomeações. Uma vergonha! O mesmo cargo tem comissionados nomeados todos os dias. Há uma TAC entre a PBH e o MP sobre fim da terceirização que NÃO foi cumprida! Os jornalistas do EM estão comendo mosca!!! | Denuncie |

Autor: Rafael Martins
Esta quantidade de servidores comissionados não se reflete somente no Estado. Basta olhar o número de ministérios criados pelo governo federal, onde muitos possuem funções similares e grande número de cargos comissionados. Sem contar as prefeituras onde prevalecem cargos dos famosos favores politícos | Denuncie |

Autor: Soares Soares
Enquanto isso amargo na fila de espera minha nomeação na PBH. O prefeito parou com as nomeações para gastar o dinheiro com a COPA. Olhem no site a vergonha para nomeação de Assistentes Administrativos 001/2010/PBH!!! Mas comissionados brotam no DOM | Denuncie |

Autor: Robson Silva
Tem mais, comissionado não questiona ordem de superior, faz e pronto! Pode ser demitido! Concursado pode denunciar, questionar irregularidades, etc! Entenderam?! | Denuncie |

Autor: Teo Fernandes
Estão certos. Aproveitem mesmo. Todos que metem o pau é porque não entraram lá. Também o dinheiro não é meu. Aproveitem mesmo!!!! | Denuncie |

Autor: Fabrício Castro
O problema da terceirização é que os dados de tudo (dados pessoas, dados fiscais, tudo) ficaria disponível para pessoas que não possuem prerrogativas de servidor público, não tem nenhum tipo de compromisso com sigilo fiscal e tributário. Seria o mesmo que abrir a Declração do IR para qualquer um ver. | Denuncie |

Autor: Fabrício Castro
Só na PBH, o concurso de Assistente Administrativo homologado em 2010, com quase 4.000 aprovados, só foram chamados pouco mais de 1.330. O BH Resolve cada dia mais sem servidores e a Sec. Mun. Recursos Humanos envia pouquissimas pessoas pra lá. Acho que querem mesmo terceirizar o BH Resolve... | Denuncie |

Autor: Ademilson Maciel
Isso é tudo muito lógico, o salário do servidor é em torno de 2 sal mínimos, já os comissionados o sal passa de 5.000,00 falo porque já trabalhei no Estado, só que na época não tive acesso a essa mamata, trabalhava terceirizado. | Denuncie |

Autor: canuto Canuto Alves
Esqueceram de fazer nas prefeituras?? Ou ainda esta sendo realizadas as pesquisas? | Denuncie |

Autor: Jefferson Neves
Na cidade administrativa tenho conhecidos q ficam de braços cruzados o dia inteiro, servindo seus deputados, ganhando mais até q os servidores concursados. Conquistam patrimônio sem esforço,uma afronta aos trabalhadores q fazem concurso e que não estão envolvidos com política do atual governo de MG. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história efaça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.