Diamante rosa é avaliado em US$ 60 milhões

Mineral de 59,60 quilates será leiloado em novembro

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 25/09/2013 09:39

AFP /Agence France-Presse

Fabrice Coffrini/AFP

A casa Sotheby's apresentou nesta quarta-feira em Genebra um diamante rosa excepcional avaliado em US$ 60 milhões que será leiloado em novembro. O 'Pink Star' ('Estrela Rosa), de 59,60 quilates, é o diamante mais caro que será apresentado em leilão, segundo a Sotheby's.

O mineral, que foi extraído em 1999 na África do Sul pelo grupo De Beers, foi talhado e apresentado em público em 2003. A primeira venda aconteceu em 2007 a um preço não revelado. O leilão está programado para 13 de novembro.

"Sua excepcional riqueza de cor, estabelecida como rosa forte pelo Instituto de Gemologia dos Estados Unidos, junto com seu excepcional tamanho, são características que superam todos os diamantes rosas conhecidos nas coleções de Estado, reais ou privadas", afirma em um comunicado David Bennet, presidente da divisão de joalheria da Sotheby's para a Europa.

Bennet destacou que a pedra caracterizada como um "diamante puro" é excepcional, já que entre os diamantes rosa os puros são muito raros a um nível de cinco quilates e este é uma pedra de 59,6 quilates.

O Instituto classificou o diamante na categoria 'Type IIa', um nível reservado a apenas 2% dos diamantes, as pedras mais puras que oferecem uma extraordinária transparência óptica. O recorde para uma venda de diamante foi estabelecido em 2010 em Genebra com o "Graff Pink" de 24,78 quilates, que atingiu o preço de US$ 46,2 milhões.

O preço recorde do quilate foi batido em 2009 em Hong Kong, com US$ 2,15 milhões por um diamante de cinco quilates. Em peso bruto, o diamante vendido pela Sotheby's pesava 132,5 quilates e foi talhado pela empresa Steinmetz Diamonds. O nome foi escolhido pelo primeiro comprador, como estabelece a tradição. O 'Pink Star' foi apresentado em 2003 em Washington e em 2005-2006 em Londres. A Sotheby's não divulgou a identidade do proprietário do diamante.
Tags:
Comentários O comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.