SIGA O EM

CRCMG oferece atendimento gratuito sobre Imposto de Renda 2012

Serviço acontece até dia 13 de abril na capital e cidades de Pedra Azul e Teófilo Otoni

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 04/04/2012 10:36 / atualizado em 04/04/2012 11:02

Marina Rigueira /Estado de Minas

Entre os dias 9 e 13 de abril, o Conselho Regional de Contabilidade de Minas Gerais (CRCMG) realiza atendimento gratuito sobre a declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2012. O serviço oferecido aos contribuintes de Belo Horizonte acontece de segunda a sexta-feira, das 10h às 17h, na sede do CRCMG, na Rua Cláudio Manoel, 639, Bairro Funcionários.

Os atendimentos serão realizados por contabilistas e outros profissionais habilitados para orientar corretamente os contribuintes. O objetivo do CRCMG é ajudar os interessados quanto aos documentos necessários e a forma correta de preenchimento da declaração, que deve ser encaminhada pela internet ou em disquetes nas agências do Banco do Brasil ou da Caixa Econômica Federal. A data limite para a declaração é 30 de abril. A multa por atraso é de 1% ao mês sobre o imposto devido, ainda que pago integralmente.

Teófilo Otoni e Pedra Azul


A cidade de Pedra Azul, no Vale do Jequitinhonha, também oferece o atendimento gratuito sobre o Imposto de Renda 2012. Entre os dias 02 e 13 de abril, o serviço é realizado na Delegacia Seccional do CRCMG, na Rua Clemente Franco, 75, Centro, das 13h30 às 17h.

Já na cidade de Teófilo Otoni, o plantão acontece entre os dias 10 e 13 de abril, em dois endereços. Pela manhã, das 8h30 às 11h, os interessados poderão esclarecer as dúvidas no escritório Vitaly Almeida & Contadores Associados, na Avenida Farmacêutico Joviano, 491, loja 5, Centro. E na parte da tarde, o delegado seccional Paulo Sérgio Almeida Santos fará o atendimento na Delegacia Seccional do CRCMG da cidade, na Avenida Francisco Sá, 72, Centro, das 13h30 às 17h.

De acordo com o presidente do CRCMG, Walter Roosevelt Coutinho, é de extrema importância que as pessoas juntem todos os documentos necessários e prestem muita atenção durante o preenchimento dos dados. “A declaração é um documento muito sério e delicado. Não é uma situação de apenas completar os números, pois eles precisam ser reais para que o cidadão não caia na malha fina. Também é necessário estar atento quanto às notas fiscais eletrônicas”. Ainda de acordo com Coutinho, é interessante que as pessoas já cheguem com as principais dúvidas.

Documentos necessários para a declaração

- Comprovante de rendimentos;

- Recibos e notas fiscais de escola, médico, dentista, psicólogo, INSS da empregada doméstica, taxas pagas para administradoras de imóveis pela cobrança de aluguéis, honorários de advogados para recebimento de ações judiciais, previdência privada e plano de saúde;

- Extratos bancários, de aplicações financeiras, aplicações em bolsa;

- Comprovante das despesas do Livro Caixa (profissionais liberais e autônomos);

- Comprovante de doações para fins de incentivo fiscal (Fundo da Criança e do Adolescente, Lei Rouanet, e outras instituições reconhecidas pela Receita Federal);

- Comprovante de aquisição de imóveis, veículos e outros bens de valor.

O Fisco espera receber cerca de 25 milhões de declarações nesse ano. Estão obrigadas a declarar, pessoas que tiveram rendimentos de R$ 23.466,15 ou 1.637,11 por mês, que tiveram Receita Bruta da Atividade Rural acima de R$ 117.495,75, que tenha posse/propriedade de bens e direitos com valor acima de R$ 300 mil, e rendimentos isentos, não tributáveis, tributação exclusiva de R$ 40 mil.

Os modelos de declaração são o Completo – sendo necessário comprovar todas deduções com recibos, nota fiscal e utiliza todas das deduções legais (despesas com médico, filhos, alimentados, pensão alimentícia, previdência social, seguro saúde) – ou o Simplificado - para contribuintes que tem poucas despesas a deduzir e que não supere 20% dos rendimentos. Substitui todos os descontos previstos na legislação do Imposto de Renda pelo desconto de 20% dos rendimentos totais tributáveis. O limite é de R$ 13.916,36/ano.

Deduções podem ocorrer, mas existem limites

- Despesas com dependentes R$ 1.889,64;

- Previdência social e previdência privada – 12% do total dos rendimentos tributáveis;

- INSS do empregado doméstico R$ 866,60;

- Despesas médicas – sem limite de valor. DMED – realizada pelas clínicas, hospitais e planos de saúde ao fisco informando o nome do paciente e valor recebido;

- Pensão alimentícia – sem limite de valor.

SERVIÇO

Belo Horizonte

Data: 09 a 13 de abril, de segunda a sexta-feira.

Horário: Das 10h às 17h

Local: Sede CRCMG: Rua Cláudio Manoel, 639, Bairro Funcionários.

Pedra Azul

Data: 02 a 13 de abril, de segunda a sexta-feira.

Horário: Das 13h30 às 17h

Local: Delegacia Seccional do CRCMG: Rua Clemente Franco, 75, Centro

Teófilo Otoni

Data: 10 a 13 de abril, de segunda a sexta-feira.

Horário: Das 08h30 às 11h

Local: Vitaly Almeida & Contadores Associados: Av. Farmacêutico Joviano, 491, loja 5, Centro

Horário: Das 13h30 às17h

Local: Delegacia Seccional do CRCMG: Av. Francisco Sá, 72 - Centro (Em frente da UAI)
Tags: ir2012
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.